Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A contratação de um novo treinador no meio da temporada, o famoso “fato novo”, costuma dar certo, pelo menos na estreia dos profissionais no Coritiba. Dos últimos dez técnicos que chegaram ao clube sem o período de pré-temporada para trabalhar, no meio do ano, oito venceram no primeiro jogo no comando do Alviverde. Uma estatística que favorece Ney Franco, que iniciará a sua segunda passagem pelo clube no próximo sábado (13), contra o Flamengo, no Couto Pereira.

Veja abaixo um resumo das estreias dos últimos técnicos que assumiram o Coritiba no meio de uma temporada.

2014 - Marquinhos Santos

Assumiu no lugar de Celso Roth e o time venceu o Flamengo em sua estreia por 3 a 0 no dia 27 de agosto, pela Copa do Brasil. Na sequência, porém o time foi eliminado pelo próprio time carioca no torneio mata-mata, mas conseguiu evitar um rebaixamento que parecia certo no Brasileiro. Em 2015, foi vice-campeão paranaense. Acabou demitido na última segunda-feira (8) após cinco derrotas nos seis primeiros jogos do Nacional.

2014 - Celso Roth

Albari Rosa/Gazeta do Povo

Substituiu Dado Cavalcanti. Na estreia, o Coxa venceu o Cene por 2 a 0, pela Copa do Brasil, no dia 16 de abril. Diferente dos outros técnicos que pegaram o time no meio da temporada, Roth teve duas semanas para trabalhar entre o fim do Paranaense e sua estreia. Foi demitido em agosto, após uma derrota para o Palmeiras por 1 a 0, com o time há 14 rodadas seguidas na zona de rebaixamento do Brasileiro.

2013 - Tcheco

Felipe Rosa

Assumiu no lugar de Péricles Chamusca. No primeiro jogo sob seu comando, o time empatou com o Internacional, fora de casa, por 0 a 0, em 24 de novembro. Depois venceu o Botafogo, em casa, e São Paulo, fora, evitando o rebaixamento do time no Brasileiro.

2013 - Péricles Chamusca

O único dos dez treinadores que perdeu na estreia e justamente no Couto Pereira para o Flamengo, adversário do próximo sábado (13). A derrota por 2 a 0, após assumir no lugar de Marquinhos Santos, ocorreu no dia 2 de outubro. No Brasileiro, acumulou teve sete derrotas, um empate em três vitórias em 11 jogos. Caiu deixando o time brigando contra o rebaixamento após uma derrota por 2 a 1 diante do Criciúma.

2012 - Marquinhos Santos

Assumiu após a queda de Marcelo Oliveira. A estreia do treinador na sua primeira passagem pelo clube ocorreu no dia 8 de setembro, quando venceu o Flamengo por 3 a 0. Ajudou o time a evitar o rebaixamento no Brasileiro daquele ano, foi campeão paranaense em 2013, iniciou bem o Nacional, mas viu o time cair de rendimento. Foi mandado embora após a derrota para o Itagui, pela Sul-Americana, no Couto Pereira.

2009 - Ney Franco

Albari Rosa

Na estreia dele, após a queda de Renê Simões, o Coritiba venceu o Fluminense, em agosto, por 3 a 1, fora de casa. Um turno depois, viu o time ser rebaixado no ano do centenário justamente contra o tricolor carioca no Couto Pereira. No ano seguinte, foi campeão paranaense e voltou com o Coxa para a Série A, deixando a equipe no fim da temporada para cuidar das categorias de base da seleção.

2009 - Renê Simões

Pedro Serápio

Estreou com vitória no Atletiba, por 4 a 2, no dia 26 de abril, após a saída de Ivo Wortmann. Não evitou, porém, o título do rival no Estadual. Mesmo levando o Coxa até a semifinal da Copa do Brasil, quando foi eliminado pelo Internacional, não resistiu a um início ruim no Brasileiro e saiu no dia 9 de agosto após uma derrota para o Cruzeiro por 3 a 1, no Couto Pereira.

2007- Renê Simões

Herdou o cargo de Guilherme Macuglia e, na sua primeira passagem, que rendeu até livro, venceu na estreia o Remo por 2 a 1, fora de casa, no dia 8 de junho. Com uma boa campanha na Série B daquele ano, conduziu a equipe ao título da competição e o consequente acesso. Deixou o time no final da temporada.

2007- Guilherme Macuglia

Depois de uma semana de Paranaense sob o comando de Gilberto Pereira, Macuglia estreou no dia 21 de janeiro na vitória coxa-branca sobre o J.Malucelli por 1 a 0. No Estadual, foi eliminado na semifinal pelo campeão Paranavaí. Na Copa do Brasil, caiu nas oitavas de final contra o Botafogo. Com o início ruim da Série B, foi demitido no dia 2 de junho após a derrota para o São Caetano, por 1 a 0, no Couto Pereira.

2006 - Paulo Bonamigo

Com a queda de Estevam Soares, estreou quando o time já estava fora da Copa do Brasil e com vitória fora de casa sobre o São Raimundo, no dia 20 de maio, na sexta rodada da Série B. Saiu no final da temporada sem conseguir o acesso para a Série A.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]