Ricardinho conversa com os goleiros Marcos e Murilo antes do treino do Paraná: o veterano arqueiro está de volta ao time | Jonathan Campos / Gazeta do Povo
Ricardinho conversa com os goleiros Marcos e Murilo antes do treino do Paraná: o veterano arqueiro está de volta ao time| Foto: Jonathan Campos / Gazeta do Povo

Na reta final de preparação para enfrentar o Oeste, terça-feira (7), às 19h30, na Vila Capanema, o treinador Ricardinho terá o retorno de duas peças importantes no Paraná. O goleiro Marcos e o zagueiro Alisson retornam diante dos paulistas, jogo decisivo para o Tricolor se distanciar da zona de rebaixamento.

O Paraná está com 31 pontos, a apenas três pontos do primeiro na área de degola, o América-RN. O Tricolor pode ficar entre os quatro últimos colocados se for derrotado pelo Oeste e o América-RN vencer a Luverdense e superar o Tricolor no saldo de gols.

Além disso, o confronto com o Oeste também é confronto direto na luta contra a ZR. A equipe paulista, com 33 pontos, na 14ª colocação, tem apenas um ponto a mais que o Paraná.

No gol, o treinador conta com o retorno de Marcos, que se recuperou de lesão muscular na coxa direita e participou normalmente das atividades da equipe na manhã desta segunda-feira (6), na Vila Olímpica do Boqueirão.

Durante a ausência do experiente goleiro, vinha atuando o jovem Murilo. Ainda antes do treino desta segunda, Ricardinho, Murilo, Marcos e o preparador de goleiros Fernando Lopes conversaram longamente no centro do gramado. A tendência, porém, é pelo retorno de Marcos.

Na defesa, o zagueiro Alisson, titular durante a maior parte da Série B, retorna de suspensão e volta a ficar à disposição do pentacampeão. Ele deve substituir o novato Alef e formar a dupla de zaga com Cleiton, que estreou na última rodada.

No restante das posições, a tendência é de que as peças que atuaram no empate com a Ponte Preta, na última terça-feira (30), em Campinas, sejam mantidas. Assim, o Paraná deve ir a campo com Marcos (Murilo); Chiquinho, Cleiton, Alisson (Alef) e Paulinho; Jean, Edson Sitta, Lúcio Flávio e Henrique Santos; Tiago Alves e Arthur (Léo Mineiro).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]