• 03/03/2020 08:04
90% de apuração

Netanyahu prestes a vencer eleição de Israel, mas sem conseguir maioria

  • 03/03/2020 08:04
    • Gazeta do Povo
    netanyahu
    Primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. e sua esposa, Sara| Foto: GIL COHEN-MAGEN/AFP

    O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, está no caminho de uma vitória na terceira eleição do país em menos de um ano, realizada nesta segunda-feira (2). Com 90% das urnas apuradas, o partido de Bibi, o Likud, aparece com 29,35% dos votos, o equivalente a 36 das 120 cadeiras do Knesset, o parlamento israelense, segundo o jornal Times of Israel. Com o resultado parcial, o Likud passa a ser o maior partido da câmara, mas o bloco de direita que apoia o primeiro-ministro, formado com partidos religiosos ortodoxos, não conseguiu alcançar a maioria (61) das cadeiras – faltaram duas. O porta-voz do Likud, Jonathan Urich, disse ao Channel 13 que levará "alguns dias" para formar uma coalizão e que o partido já conversou com possíveis desertores de fora do bloco de direita.

    O principal rival de Netanyahu, Benny Gantz, e o seu Azul e Branco conquistaram 26,34% dos votos, ou seja, 32 assentos no Knesset. A Lista Conjunta assegurou sua posição como terceiro maior partido do parlamento, enquanto o secular de direita Yisrael Beiteinu, de Avigdor Lieberman, e a aliança de esquerda Labor-Gesher-Meretz, devem conquistar apenas 7 cadeiras cada.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.