Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Policiais caminham por trecho onde ocorre o ataque | Daniel Roland/AFP
Policiais caminham por trecho onde ocorre o ataque| Foto: Daniel Roland/AFP

O Estado Islâmico (EI) assumiu a responsabilidade pelo ataque de um afegão com um machado e uma faca contra passageiros em um trem na Alemanha.

Através da agência Amaq, porta-voz habitual do EI, o grupo disse que o jovem refugiado de 17 anos, que feriu quatro pessoas em um trem na Baviera e deixou dois em estado crítico, era um de seus combatentes.

O ataque ocorreu na linha Treuchtlingen-Würzburg, quando a composição passava pelo distrito de Heidingsfeld. A linha do trem onde ocorreu o crime está fechada. Segundo o jornal Bild, o agressor teria gritado as palavras “Allahu Akbar”, expressão em árabe que significa “Deus é grande”, antes de desferir os golpes contra os passageiros.

Inicialmente, a imprensa internacional noticiou que os feridos passavam de 20, mas o número dizia respeito ao total de atendidos, já que outras pessoas estavam em estado de choque.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]