i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
acidente

Helicóptero que avaliava danos de terremoto no México cai e deixa mortos e feridos

O helicóptero militar estava analisando os estragos causados pelo tremor que atingiu o México nesta sexta-feira (16), quando caiu. Ao menos 13 pessoas que estavam no solo morreram e 15 ficaram feridas

    • São Paulo
    • Folhapress
    • 17/02/2018 11:57
    O helicóptero estava avaliando os danos causados pelo tremor que atingiu o México na noite desta sexta-feira (16) | YURI CORTEZ/AFP
    O helicóptero estava avaliando os danos causados pelo tremor que atingiu o México na noite desta sexta-feira (16)| Foto: YURI CORTEZ/AFP

    Um helicóptero militar, que levava autoridades para vistoriar locais danificados pelo terremoto que atingiu o México na noite de ontem, caiu matando 13 pessoas e deixando outras 15 feridas - todas as vítimas estavam no solo. O gabinete do promotor do Estado de Oaxaca informou que cinco mulheres, quatro homens e três crianças morreram no local onde a aeronave caiu, enquanto outra vítima morreu posteriormente, no hospital. 

    O Departamento do Interior do México informou que o helicóptero transportava o Secretário de Governo Alfonso Navarrete e o governador de Oaxaca, Alejandro Murat. 

    Na noite de sexta-feira (16), um poderoso terremoto abalou as regiões sul e central do México, fazendo com que as pessoas abandonassem prédios e edifícios comerciais na capital do país. O Centro de Pesquisa Geológica dos Estados Unidos revisou a intensidade do abalo sísmico para 7,2 graus, após anunciar 7,5 graus ontem. 

    O epicentro do tremor foi a cerca de 145 km de Puerto Escondido, em Oaxaca, com profundidade de 24,6 km, segundo o Serviço Geológico dos EUA. O tremor teve 225 réplicas, disse o serviço nacional de sismologia, e causou pânico. 

    A cidade de Jamiltepec, em Oaxaca, sofreu os maiores impactos do tremor. Ao todo, 50 casas, uma igreja e um edifício do governo foram danificados. O governador do Estado de Oaxaca informou que 100 mil pessoas ficaram sem eletricidade. 

    O terremoto aconteceu cinco meses depois de dois tremores deixarem mais de 400 mortos no México. Na ocasião, o Estado de Oaxaca também esteve entre os atingidos.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.