i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
tremor no Chile

Presidente chileno anuncia fundo de reconstrução após tremor

"Vamos criar um fundo de reconstrução para financiar este plano de desenvolvimento. Este fundo vai se alimentar de muitas fontes", disse Piñera em entrevista coletiva

  • Porreuters e Agência Brasil
  • 12/03/2010 13:12
Estradas e infraestrutura chilena foram afetdas pelo forte terremoto de 27 de fevereiro | Reuters
Estradas e infraestrutura chilena foram afetdas pelo forte terremoto de 27 de fevereiro| Foto: Reuters
  • Policiais chilenos patrulham área devastada pelo terremoto

O presidente chileno, Sebastián Piñera, anunciou nesta sexta-feira a criação de um fundo de reconstrução após o terremoto de 27 de fevereiro, que se financiará com austeridade no gasto, fundos soberanos, futuros rendimentos do cobre e possíveis créditos externos.

"Vamos criar um fundo de reconstrução para financiar este plano de desenvolvimento. Este fundo vai se alimentar de muitas fontes", disse Piñera em entrevista coletiva.

Piñera afirmou que o terremoto de magnitude 8,8 que sacudiu o Chile há duas semanas deixou mais de 500 mortos identificados e danos patrimoniais estimados de maneira preliminar em 30 bilhões de dólares.

De acordo com dados prévios do Ministério da Fazenda, os dois fundos soberanos do Chile acumulavam recursos de 14,7 bilhões de dólares no valor de mercado em janeiro.

Piñera, reiterou a necessidade de apoio internacional para reconstruir o país – devastado por tremores de terra e tsunamis. Segundo ele, o Chile está "muito mais pobre" após a catástrofe.

Perguntado se pretende se aproximar dos países do Bric – Brasil, Rússia, Índia e China – para pedir apoio, ele não titubeou: "Definitivamente, a resposta é afirmativa. Já aprofundamos vários diálogos e estamos tratando de dar continuidade a isso. São grandes países e grandes economias, queremos muito estreitar relações."

O Chile é o maior produtor de cobre do mundo e guardou nos fundos soberanos recursos de um período de auge no valor do metal.

O presidente, que tomou posse na quinta-feira em meio a fortes réplicas sísmicas, disse que o novo fundo de reconstrução também se financiará com uma reformulação do orçamento fiscal de 2010, que foi herdado do governo anterior da ex-presidente Michelle Bachelet.

O terremoto surpreendeu o Chile quando o país estava deixando para trás sua primeira recessão em uma década, devido à crise global, e o gerenciamento da reconstrução do terremoto marcará o mandato de Piñera.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.