• 12/01/2021 20:02
Congresso

Maia diz que fechamento da Ford reforça necessidade de reforma tributária

  • 12/01/2021 20:02
  • PorEstadão Conteúdo
    “Será que benefícios tributários de fato geram emprego no Brasil?”, questionou Maia.
    “Será que benefícios tributários de fato geram emprego no Brasil?”, questionou Maia.| Foto: Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados

    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), usou o exemplo do encerramento das atividades da Ford no Brasil para falar sobre a urgência da reforma tributária. Segundo ele, a redução do número de tributos é um atrativo para competitividade nos países. A decisão da montadora afeta diretamente 5,3 mil empregados, que atuam em três fábricas que serão desativadas.

    "Quando decidem sair do Brasil e continuar na Argentina e Uruguai merece um ponto de interrogação sobre o porquê disso", questionou. "Como um país da importância do Brasil é preterido por dois países importantes, mas que não têm a dinâmica econômica daqui?"

    Para ele, a situação deve jogar luz também no debate sobre os benefícios tributários concedidos pelo governo, juntamente com a reforma. "Será que benefícios de fato geram emprego no Brasil?", questionou.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.