• 03/12/2020 10:50
Impasse

“Vão para bares, mas não podem ir para a aula”, diz Mourão sobre retorno das federais

  • 03/12/2020 10:50
  • PorGazeta do Povo
    O vice-presidente Hamilton Mourão
    O vice-presidente Hamilton Mourão| Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

    O vice-presidente Hamilton Mourão chamou de "hipocrisia" a recusa da volta às aulas presenciais em universidades federais em meio à pandemia da Covid-19. "Isso é um assunto controverso, porque acho que até tem certa hipocrisia. As pessoa saem para a rua, vão para bares, restaurantes, mas não podem ir para aula", disse Mourão, ao chegar ao Palácio do Planalto nesta quinta-feira (3).

    A declaração do vice-presidente faz referência à portaria do Ministério da Educação para a volta às aulas a partir de 4 de janeiro de 2021. Diante da repercussão negativa no meio acadêmico, o MEC deve se manifestar oficialmente quinta-feira (3) sobre a possibilidade de revogação da portaria.

    O presidente Jair Bolsonaro comentou o assunto com apoiadores na noite de quarta (2) ao chegar ao Palácio da Alvorada. "Estamos tentando a volta às aulas. Conversei agora com o ministro da Educação. Queremos voltar às aulas presenciais em todos os níveis, mas os reitores agora chegaram nele… 'não, queremos só começar em 2022'. Aí, no meu entender, não tem cabimento", disse.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.