i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Serviço

Como funciona a eleição para presidente da Câmara | Entenda em 1 Minuto

    • Por Gazeta do Povo
  • 14/01/2021 12:55

Os deputados federais decidem no próximo dia primeiro de fevereiro quem será o novo presidente da Câmara dos Deputados.

A escolha do sucessor de Rodrigo Maia é algo que vem mexendo bastante com os bastidores em Brasilia. Afinal, estamos falando de quem vai definir as pautas de votação pelos próximos dois anos.

Entenda como é a votação para presidente da Câmara.

Entenda como é a eleição para presidente da Câmara dos Deputados

Por ter esse poder de definir o que vai ou não ser votado ao longo do ano, a presidência da Câmara é considerada um cargo-chave dentro do poder Legislativo.

Por isso, a votação para escolher quem vai assumir o cargo tem regras muito parecidas com a eleição que todos participamos.

Por exemplo, o voto de cada deputado é secreto. Eles devem ir a uma urna e vão escolher, além do presidente da Câmara, o primeiro e segundo vice-presidente, além de quatro secretários e quatro suplentes.

Para que um candidato seja eleito, ele precisa da maioria absoluta dos votos, ou seja, 257 dos 513 disponíveis. Caso ele não alcance, a disputa vai para segundo turno entre os dois mais votados.

Neste ano, dois nomes aparecem como favoritos. Arthur Lira (PP-AL), que tem o apoio do presidente Bolsonaro e de partidos como PL, PSD, Republicanos, Solidariedade, Pros, PSC, Avante e Patriota.

Do outro lado, Baleia Rossi (MDB-SP) é a indicação de Rodrigo Maia e é apoiado por PT, PSL, PSDB, PSB, DEM, PDT, PCdoB, Cidadania, PV e Rede.

Outros deputados também concorrem à vaga, como Fabio Ramalho (MDB-MG), Capitão Augusto (PL-SP) e André Janones (Avante-MG)

Conteúdo editado por:Jenifer Ribeiro dos Santos
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.