i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Operação Desarmamento

Criminalidade cai 22% no final de semana em Londrina

  • PorFábio Luporini
  • 23/10/2008 16:49

O índice de ocorrências policiais caiu 22% em Londrina, norte do Paraná, no último final de semana. A queda se deu após a "Operação Desarmamento" realizada na última sexta (17) e sábado (18). A informação é da tenente da Polícia Militar (PM), Manoela Donadello de Borba.

De acordo com ela, o final de semana anterior registrou 174 ocorrências, enquanto nos dias da Operação foram 143. Na mesma comparação, os roubos caíram de 12 para 7, os furtos qualificados de dois para zero e o índice de homicídios se manteve em zero.

Ao todo, 26 bares e cerca de 430 veículos foram vistoriados pelas equipes, além de pouco mais de 600 pessoas abordadas. A Polícia notificou pouco mais de 30 motoristas por infrações de trânsito, tais como condutor não habilitado ou veículo sem licenciamento.

Ainda conforme a tenente, não houve nenhuma apreensão de arma de fogo, um dos objetivos da operação. Ela atribui à divulgação pela imprensa o fato de não ter havido apreensão de arma de fogo e a criminalidade ter diminuído. "Não houve nenhuma apreensão, mas valeu a pena pela diminuição do índice de criminalidade", avalia a tenente.

A operação contou com um efetivo extra de cerca de 250 policiais que realizaram blitze e abordagens em pontos estratégicos de Londrina. As Avenidas Rio Branco, Higienópolis e Leste-Oeste foram algumas das que receberam bloqueios da PM, com abordagens aleatórias.

Em outro tipo de abordagem, cinco equipes do Pelotão de Choque e uma da Polícia Civil realizaram abordagens em pedestres na periferia da cidade. "O centro ficou com as blitze e na periferia os policiais abordavam as pessoas, principalmente os mais suspeitos, como grupos de jovens reunidos nas esquinas", explica Manoela.

Participaram da operação o Pelotão de Choque, a Companhia de Trânsito, a Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), Polícia Rodoviária, Polícia Ambiental, entre outros policiais, distribuídos em carros, microônibus e motocicletas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.