i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Clima

Curitiba registra o dia mais quente dos últimos invernos

  • PorAldrin Cordeiro e Anna Simas
  • 04/09/2008 15:05
Não está fácil... | Marcelo Elias/Gazeta do Povo
Não está fácil...| Foto: Marcelo Elias/Gazeta do Povo

Baixa umidade do ar prejudica a saúde da população

  • Calor dos últimos dias antecipou a floração do ipê amarelo e outras espécies em Curitiba

Mesmo durante o inverno, as altas temperaturas e o clima seco atingiram todo o Paraná durante esta semana. De acordo com o Instituto Tecnológico Simepar, nesta quinta-feira (4), Curitiba registrou 30,8°C, a mais alta temperatura do período desde 1997, quando a medição começou a ser feita diariamente. Nas ruas da capital, os termômetros chegaram a registrar 32°C durante a tarde desta quinta.

O meteorologista do Instituto Climatempo, André Madeira, explica que uma massa de ar quente está no estado desde o início da semana, porém, a partir desta sexta-feira (5), uma frente fria chega ao Paraná e deixa o tempo instável na maioria das regiões. Madeira afirma que a umidade relativa do ar se manteve baixa pelas altas temperaturas, e em Curitiba, chegou a marcar 23%. Maringá teve 20%. Diamante do Norte registrou 19%. Paranapanema apresentou a mais baixa umidade relativa do ar, com 15%. No Norte, o índice chegou a 20%.

De acordo com o Simepar, nesta sexta-feira, pancadas de chuva podem ocorrer no Oeste e Sudoeste durante a manhã, enquanto ao longo do dia, no Leste e região Central do estado. Também há previsão de ocorrência de rajadas moderadas a fortes de vento.

Previsão

A previsão do tempo para esta sexta é de frio no estado. A maioria das regiões fica com o céu nublado e possibilidade de chuva. Curitiba registra máxima de 25°C e mínima de 13°C. Paranaguá, Litoral, marca 27°C de máxima e 14°C de mínima. Em Londrina, Norte, a máxima é de 27°C e a mínima de 16°C. Maringá, Noroeste, registra máxima de 32°C e mínima de 18°C. Cascavel, Oeste, fica com 24°C de máxima e 17°C de mínima. Em Foz do Iguaçu, Oeste, os termômetros marcam máxima de 24°C e mínima de 18°C. Ponta Grossa, Campos Gerais, tem mínima de 14°C e máxima de 24°C.

Primavera

O calor dos últimos dias também antecipou a chegada da primavera. A estação, que começa oficialmente dia 21 de setembro, parece já existir por causa da floração de algumas espécies, entre elas o tradicional ipê amarelo.

O biólogo e professor da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Luiz Antônio Acra, diz que a alteração na temperatura fora de época influenciou na floração de plantas e árvores. "Os ipês roxo e amarelo tiveram antecipação de um mês no seu ciclo", afirma.

Essa antecipação não é exclusividade deste ano, mas vem acontecendo há algum tempo. Segundo o professor, o ipê amarelo já passou por duas florações esse ano. "Uma aconteceu no final do mês de julho, quando o normal seria em setembro", diz Acra.

A modificação na vegetação afeta algumas espécies de animais, como os insetos polinizadores que têm seu ciclo modificado para se adequar às plantas. "Fauna e flora tentam se adequar aos ciclos de temperatura, assim como a vegetação também altera o clima. É um ciclo que foi modificado pelo homem, e dificilmente pode ser recuperado", comenta o biólogo.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.