i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
flores

Florada dos ipês-amarelos muda as cores e a paisagem de Curitiba

Confira imagens da cidade colorida de amarelo pelo espetáculo de flores na galeria de fotos da Gazeta do Povo

  • PorNaiady Piva, especial para a Gazeta do Povo
  • 25/08/2014 12:35
Ipês-amarelos florescem em Curitiba | Aniele Nascimento/ Agência de Notícias Gazeta do Povo
Ipês-amarelos florescem em Curitiba| Foto: Aniele Nascimento/ Agência de Notícias Gazeta do Povo
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba
  • Ipês-amarelos florescem em Curitiba

O veranico "fora de época" que alegrou os curitibanos no fim de semana trouxe consigo a florada dos ipês, fazendo Curitiba trocar seu cinza habitual e virar a capital na qual predomina a cor amarela.

INTERATIVIDADE: mande sua fotos dos ipês-amarelos para a Gazeta do Povo.

Previstas para florescer no início de setembro, com a proximidade da primavera, as árvores foram "enganadas" pelo "veranico". O fenômeno, assim, chegou um pouco mais cedo do que o previsto, como explica o chefe do Museu Botânico Municipal, Osmar dos Santos Ribas. "A árvore pressente, tem a sensação de que já está entrando em fase primaveril", diz.

O aquecimento global e fenômenos como o El Niño e as estações do ano pouco definidas "enganam" as árvores em seu ciclo natural. Aos ipês-amarelos, no entanto, essas mudanças não representam ameaça grave, "não correm o risco de morrer, é apenas um stress", explica Ribas.

O chefe do museu lembra de um inverno, em 2005, quando a árvore em frente à rodoviária (considerada a mais bonita da cidade por ele) floriu em junho durante um "veranico", e uma segunda vez no início da primavera - um fenômeno raro. O que ocorre é que a árvore tem um alto gasto energético "e a próxima floração não vai ter forças para ser plena".

Para este ano (2014), a primavera ainda não chegou plena. Segundo previsão do Instituto Tecnológico Simepar a chuva chega forte ao estado ainda nesta segunda-feira (25), e o frio predomina a partir da próxima quarta-feira (27).

Enquanto isso resta aproveitar o espetáculo da cidade varrida de amarelo. Confira as belas fotos na galeria da Gazeta do Povo:

Florada dos ipês-amarelos em Curitiba

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.