Um homem foi preso por suspeita de envolvimento em um desmanche de carros roubados em uma residência no bairro Alto Boqueirão, em Curitiba. Ele foi detido em flagrante na manhã desta segunda-feira (6) por policiais civis. Um carro foi apreendido e peças que completariam um segundo veículo também foram apreendidas.

Policiais da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) de Curitiba receberam denúncia anônima de que o suspeito mantinha na residência. Ao chegarem ao local, os policiais encontraram várias peças embaladas de um automóvel. As peças, segundo a polícia, estariam prontas para serem revendidas.

Outras peças encontradas no local totalizariam cinco carros que já haviam passado pelo desmanche para serem cortados e terem os equipamentos revendidos.

Segundo o delegado-titular da DFRV, Cassiano Aufiero, o suspeito foi preso e autuado por receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. As penas, segundo o delegado, totalizam 10 anos de prisão.

De acordo com Aufiero, por causa das investigações da polícia, os responsáveis por esses desmanches e autopeças estão saindo de lojas e oficinas – estabelecimentos que são usados como fachada para o corte de automóveis roubados e venda de peças – e estão migrando para o interior de terrenos e residências. "Eles vão para o fundo de quintal para dificultar o trabalho da polícia. Mas isso acaba dificultando o trabalho deles, pois as autopeças ficam escondidas e eles não chamam atenção de quem tem interesse nessas peças", explica.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]