Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Hugo Harada / Agência de Notícias Gazeta do Povo
| Foto: Hugo Harada / Agência de Notícias Gazeta do Povo

Cerca de cem pessoas participaram da "Aula Pública #copapraquem" na Boca Maldita, no Centro de Curitiba, na noite desta quinta-feira (15). O evento começou por volta das 19h20, depois que manifestantes contrários à realização da Copa do Mundo Fifa no Brasil realizaram um protesto no mesmo local. As duas mobilizações foram pacíficas.

Por volta das 18h25, cerca de cem pessoas começaram uma caminhada pela Rua XV de Novembro, a partir da Boca Maldita. Os manifestantes gritavam palavras de ordem e as frases: "Da Copa eu abro mão, quero saúde e educação". A passeata seguiu em direção a Praça Santos Andrade e logo após os manifestantes se posicionaram em uma das faixas da Rua João Negrão, em frente ao prédio da Previdência Social. Por volta das 19h, os manifestantes andavam em fila indiana pelas quatro pistas da Rua Marechal Deodoro, fazendo com que os carros não pudessem ultrapassá-los.

Depois da aula pública na Boca Maldita, os manifestantes seguiram para o restaurante universitário da Universidade Federal do Paraná (UFPR) para participarem de um encontro sobre educação.

Protestos pelo Brasil

Mais de 15 mil pessoas confirmaram presença nos protestos agendados para esta quinta-feira (15) contra a Copa do Mundo. Ao todo, oito cidades-sede do Mundial têm manifestações previstas simultaneamente.

Cidades como Santiago, no Chile, e Berlim, na Alemanha, também devem ter manifestações nesta quinta-feira (15).

Veja fotos da manifestação em Curitiba

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]