i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pernambuco

Movimento pede abertura de sindicância contra médico que fez aborto em menina de 10 anos

  • PorFernanda Leitóles
  • 03/09/2020 16:23
Aborto no Recife pode resultar em sindicância
Movimento pede sindicância contra médico que fez aborto no Recife| Foto: Bigstock

Um pedido de abertura de sindicância contra o médico Olímpio Barbosa de Moraes Filho, obstetra do Recife (PE) que realizou o aborto na menina de 10 anos, estuprada pelo tio no Espírito Santo, foi feito pelo Movimento Legislação e Vida ao Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). De acordo com o coordenador do movimento, Hermes Rodrigues Nery, o profissional de saúde teria infringido o Código de Ética Médica ao fazer o procedimento, pois o aborto já não se encaixava nos critérios estabelecidos em norma técnica do Ministério da Saúde. O pedido foi protocolado no Cremepe na segunda-feira (31).

A argumentação feita pelo movimento foi de que a norma técnica estabelece que o aborto - que é crime do Brasil - não será passível de punição nos casos previstos em lei (artigo 128 do Código Penal) se realizado até a 22ª semana de gestação e desde que o feto tenha peso de no máximo 500 gramas. E, segundo exames realizados ainda no Espírito Santo, em 14 de agosto, no hospital que se negou a realizar o procedimento, a gravidez já era de 22 semanas e 4 dias (cinco meses e meio), e o peso do feto era de 537 gramas - ou seja, o aborto já estava fora dos padrões citados na norma técnica do Ministério da Saúde.

Mesmo assim, o aborto foi realizado em 16 de agosto, no Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam-UPE), em Recife (PE), após autorização de um juiz de São Mateus (ES).

“A norma técnica já é altamente questionável por aceitar o aborto em um bebê com até 22 semanas. Mas o médico não respeitou os limites impostos por ela”, disse o coordenador do Movimento Legislação e Vida.

Nessas circunstâncias, de acordo com Nery, o médico infringiu o artigo 15 do Código de Ética Médica: “É vedado ao médico: [...] Descumprir legislação específica nos casos de transplantes de órgãos ou de tecidos, esterilização, fecundação artificial, abortamento, manipulação ou terapia genética”.

Os conselheiros do Cremepe agora irão decidir se aceitam ou não a denúncia contra o médico. Se for aceita, uma sindicância - processo administrativo - será aberta.

“Ao tirar a vida do bebê com quase seis meses, com mais de 22 semanas e 537 gramas, o dr. Olímpio Moraes Filho não levou em conta a vida de um ser humano no ventre materno, onde deveria receber a maior acolhida, sendo um ser humano inocente e indefeso. Se o valor da vida humana não é respeitado na fase mais fragilizada, não será em outras etapas da vida. Como médico, mesmo em situações de impasse, deveria se mover na defesa das duas vidas (do bebê e da mãe). Por isso requeremos do Cremepe um posicionamento inequívoco na defesa da ética médica em favor das duas vidas. Afinal, quem defenderá o indefeso?", afirmou Nery, por meio de nota enviada à reportagem.

De acordo com a norma técnica, "[...] não há indicação para interrupção da gravidez após 22 semanas de idade gestacional. A mulher deve ser informada da impossibilidade de atender a solicitação do abortamento e aconselhada ao acompanhamento pré-natal especializado, facilitando-se o acesso aos procedimentos de adoção, se assim o desejar [...]".

Segundo informações presentes do Currículo Lattes do obstetra responsável pelo aborto, ele é conselheiro do Cremepe e também integra a Câmara Técnica de Ginecologia e Obstetrícia do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Por meio da assessoria de imprensa do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam) - local onde foi feito o aborto no Recife e que é ligado à Universidade de Pernambuco (UPE) -, Moraes Filho afirmou que ainda não havia sido notificado sobre a denúncia e que vai se manifestar sobre ela depois que isso ocorrer.

Procurado, o Cremepe afirmou, por meio de nota, que "todas as denúncias que chegam a este Conselho são averiguadas e correm em sigilo".

O representante legal do Movimento Legislação e Vida nesse pedido é o advogado José Jefferson de Andrade Vaz.

32 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 32 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • P

    Paulo Henrique

    ± 7 dias

    Se esse caso da menina houvesse acontecido "antigamente" haveria apenas duas diferenças: nenhum juiz mandaria matar a bebezinha de 6 meses no útero da mãe, e nenhum médico aceitaria praticar uma hediondez dessas. E daí seguir-se-ia o manual básico da sensatez: esperariam mais algumas poucas semanas, fariam uma cesariana, salvariam a vida da bebezinha (p/a qual não faltaria casais interessados na adoção).

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Aromero

    ± 7 dias

    Tem gente ainda chateada com esse caso complicado. Antigamente teriam "casado' ela com o "tio", deixariam a gravidez prosseguir sabendo das altas chances de matar a mãe e a criança. Tudo para proteger a honra do "tio" evidente.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Daniel M

    ± 7 dias

    Esse assunto é um daqueles que extrapola as fronteiras da ideologia, mesmo sendo conservador, a menina tem o direito de escolher no caso de estupro.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jorge Dias

    ± 7 dias

    Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Afonso Celso Frega Beraldi

    ± 7 dias

    Sou liberal na economia e conservador nos costumes, mas essa questão do aborto dessa pobre garota extrapolou meus conceitos sobre o assunto. Tinha sim que ter interrompido a gravidez da menina. Fim. Esse movimentozinho asqueroso, Legislação e Vida que vá se queixar ao Papa. Não se pode penalizar duas vezes a menina neste caso, o abuso sexual e a criança gerada, a qual ela não queria e não teria condições de criar.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • T

      Thiago Zucchero

      ± 7 dias

      Creio que nao colocaria a questao de "ter como criar" o que mais pesa nesta condição é o "estupro" em si. Ficando provado o ato libidinoso a "Mulher" responsavel descida entre o aborte legal ou continuar a gestação

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Ricardo Munhozdarocha Guimarães

    ± 7 dias

    A hipocrisia anda tão bêbada... solta por aí como se não houvesse amanhã. Seus clientes esquecem que o espaço hoje é livre mas também indelével. Não tarda suas idéias virão ter consigo e cobrar-lhes dividendos. Moral da história: cuidado com que falam comentaristas, a língua é o chicote da alma.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Henrique

    ± 7 dias

    Se fosse feita uma cesariana haveria a possibilidade da bebezinha sobreviver. Ou seja, poderiam tentar tirá-la com vida, mas preferiram matá-la antes. É claro que as chances de sobrevivência não seriam as melhores, mas impossível não seria, pois há bebês prematuros com este tempo de gestão que sobrevivem. Mas aí, outra questão, por que a pressa? Por que não deram mais uma ou duas semanas? A pobre mãe não padeceria nem mais nem menos por isso e a bebezinha teria uma chance de viver. Mas esses açougueiros não quiseram dar à bebezinha a chance que eles mesmos tiveram.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    5 Respostas
    • B

      BRAULIO A. C. M.

      ± 7 dias

      Cesariana em uma gestação de 22 semanas???? Em uma criança de 10 anos???? É, realmente Sr. Paulo, o Sr. não tem a menor ideia do absurdo que está falando. O sr. deve ser uma daquelas pessoas que não tem a menor noção da sua ignorância, e a expõe de forma insolente e arrogante. "Quem conhece a sua ignorância revela a mais profunda sapiência. Quem ignora a sua ignorância vive na mais profunda ilusão." Lao-Tsé

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • M

      M Fernanda

      ± 7 dias

      Esse Sr. Paulo Henrique, muito provavelmente, é um desses "manifestantes", leia-se gente suficientemente ignorante que vive na síndrome do avestruz.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Paulo Henrique

      ± 7 dias

      *gestação. Não gestão, como constou.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Paulo Henrique

      ± 7 dias

      Difícil entender todo esse zelo pela "criança de dez anos" e essa total indiferença pela bebezinha de seis meses.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • M

      Marcelo E L

      ± 7 dias

      Pobre mãe???... Uma CRIANÇA de dez anos!!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jr

    ± 7 dias

    Acho dificílima a decisão desse caso! Por um lado, manter a gestação seria um risco grande para uma menina de apenas 10 anos, mas por outro lado, o feto já tinha quase 6 meses, estava bem adiantada sua formação e com certeza foi uma grande violência contra ele...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • P

      Paulo Henrique

      ± 7 dias

      Muitas pessoas estão com essa premissa equivocada. Na verdade, segundo os médicos, o aborto numa gestação tão avançada é mais perigoso do que levar a gravidez adiante. Ou seja, a opção pelo aborto foi a mais arriscada para a criança de 10 anos.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pompeu

    ± 7 dias

    Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    BRAULIO A. C. M.

    ± 7 dias

    Movimento hipócrita, porque eles não direcionam sua ira ardilosa contra essa desordem social que permite uma criança ser vítima de um predador sexual ao invés de conspirar contra alguém que tenta diminuir o estrago causado por tal perversidade.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    D'AMICO

    ± 7 dias

    ( Atire um grão de areia , aquele que nunca pecou e ou pecara ) . UMA CRIANÇA NAS MÃOS DOS PAPA-HOSTIAS , QUE REPRESENTAM UMA SOCIEDADE PECADORA , ACUSADORA , MAL CHEIROSA . SEM A MÍNIMA DOR AO SOFRIMENTO ALHEIO . CONDENANDO OS QUE TEM CORAÇÃO , BONDADE QUE EM SUA BENEVOLÊNCIA AJUDA UM ANJO . ------ E A TIRA DAS MÃOS DOS DEMÔNIOS ---- QUE D'US . TENHA PIEDADE DOS JUSTOS. E QUE OS ACUSADORES QUEIMEM EM ÓLEO DIESEL. ( para mim já está consumado ) . ..

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Henrique

    ± 7 dias

    MÉDICO NÃO, AÇOUGUEIRO. Não confundam. MÉDICOS são todos aqueles outros que - horando o juramento de Hipócrates - SE NEGARAM a realizar o aborto. Mesmo nestes casos o aborto só pode ser realizado até a 22ª semana ou até 500g de peso. Os limites não são cumulativos, basta atingir um para não se enquadrar. Mas no caso a vítima havia ultrapassado a ambos. Como houve uma decisão judicial autorizando de modo nenhum pode o "médico" responder pelo crime de aborto, no entanto, no campo da ética, deve responder exemplarmente. Mas conhecendo o corporativismo da classe não deve dar em nada.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    4 Respostas
    • P

      Paulo Henrique

      ± 7 dias

      Eu acho - pra ser franco eu estou vendo - que você está sem argumento.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • M

      Marcelo E L

      ± 7 dias

      Paulo Henrique: Poderiam colocar vc no lugar da criança que foi estuprada... o que acha?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • P

      Paulo Henrique

      ± 7 dias

      Que paciente? Tinha alguém doente? Não. Vc escreveu (acima do meu comentário) que o "médico" tentou "diminuir o estrago causado por tal perversidade" - a perversidade do estuprador. Aí eu fiquei imaginando um diálogo com a enfermeira. Ela pergunta: '-Dr. por que o sr. vai matar essa bebezinha?'. Ele responde: '-para diminuir o estrago...'.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • B

      BRAULIO A. C. M.

      ± 7 dias

      Que comentário impertinente. Você por um acaso já se deu ao trabalho de ler o Juramento de Hipócrates? Provavelmente não, pois, se tivesse lido veria que um dos tópicos fala que "Não permitirei que considerações de religião, nacionalidade, raça, partido político, ou posição social se interponham entre o meu dever e o meu Doente". E o dever do profissional a que voce, de forma ignorante, se refere como "açougueiro", era fazer o melhor possível para sua paciente "dentro dos ditames de sua consciência", como manda o código de ética médica, que você também parece desconhecer.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Matraca Trica

    ± 8 dias

    Esse comentário foi removido por não estar de acordo com os Termos de Uso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jorge

    ± 8 dias

    O médico fez o aborto respaldado por decisão judiciaria. Mesmo que ele fosse contra o aborto, não teve como negar. Sou católico e sei que a religião proíbe abortos, mas sei de outra coisa. Não julgue para não ser julgado e quem não tiver pecado nenhum, atire a 1º pedra. Há pecados que cometemos sem pensar, como a soberba, a ofensa, julgar os outros, et... Só para deixar claro, sou contra o aborto, mas não vou cair na tentação de julgar a família e nem o médico que fez o aborto.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    RoCS

    ± 8 dias

    Pensem que as estupradas por um maníaco doente mental sejam suas mães, filhas ou esposas. Daí imagem elas gerando um filho desse monstro. Daí, se vocês ainda forem contra o aborto dá para entender.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    GUSTAVO

    ± 8 dias

    A atitude deste movimento é tão repugnante , tão baixa, tão vil, tão sem misericórdia, tão distante dos ensinamentos de Deus, que os que eles merecem é que aconteça na família deles o que aconteceu com a pobre menina. E que sofram o mesmo preconceito asqueroso e desumano que ela sofre por parte deles.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Oliveira

    ± 8 dias

    Manda o coordenador "Movimento Legislação e Vida" ir para as regiões pobres de seu estado e fazer uns atendimentos gratuito nas VIDAS em situação de extrema pobreza. Ou quem já está vivo não merece ajuda de um "órgão" que prega a vida?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Meg Litton

    ± 8 dias

    O médico não estava cumprindo decisão judicial? Por que não fazem o mesmo procedimento contra quem autorizou??? Povo desocupado!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • R

      Rubens Farias

      ± 8 dias

      Charles Bonemer Junior: ilegal, quem é você para afirmar isso, a sua arrogância religiosa é que determina isso? Espero que um dia você, se não tem ,tenha uma filha e ela seja violentada aos dez anos, ai vou quero ver a sua arrogância. Não basta 2000 anos de abuso religioso, onde milhões de pessoas foram mortas simplesmente porque não faziam parte dessas religiões arrogantes.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • R

      RoCS

      ± 8 dias

      Charles Bonemer Junior: E quem disse que a decisão era ilegal? Só uma outra decisão, superior, pode dizer que ela não procede (e não quer dizer que ela seja ilegal)

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • C

      Charles Bonemer Junior

      ± 8 dias

      Ordem ilegal não se cumpre. Aliás, juiz não dá ORDEM para o aborto, mas AUTORIZAÇÃO.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]