i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
70 suspeitos em todo país

PF faz ação contra tráfico de drogas sintéticas no PR e outros 8 estados

No Paraná, dois mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão estão sendo cumpridos nas cidades de Curitiba, Maringá, Campo Mourão e Janiópolis, como parte da Operação Trilha Albis

  • PorCélio Yano, com informações do G1 e da Agência Estado
  • 11/02/2009 06:49

A Polícia Federal (PF) realiza nesta quarta-feira (11) duas operações com o objetivo de prender mais de 70 suspeitos de integrar duas quadrilhas especializadas no tráfico de drogas sintéticas. No Paraná, dois mandados de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão estão sendo cumpridos nas cidades de Curitiba, Maringá, Campo Mourão e Janiópolis, como parte da Operação Trilha Albis.

De acordo com a assessoria de imprensa da Superintendência Regional da PF no Paraná, os mandados de prisão são contra dois suspeitos de integrar uma quadrilha que enviava cocaína para países europeus, principalmente a Holanda, de onde recebia drogas sintéticas, como ecstasy e LSD, além de haxixe.

Até as 11 horas, 54 pessoas já haviam sido presas. Em Curitiba, um dos homens que teve o mandado de prisão preventiva decretada já estava preso, sob custódia da PF, por outro crime. Os demais mandados expedidos para o Paraná ainda não foram cumpridos, segundo a PF.

Em todo o país, 300 agentes federais participam das operações, denominadas Trilha Albis e Nocaute. Além do Paraná, as ações envolvem os estados do Rio de Janeiro, Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Minas Gerais e Pernambuco, e também no Distrito Federal.

Somente na Operação Trilha Albis são cumpridos 39 mandados de prisão preventiva e 30 de busca e apreensão. A operação foi iniciada há dois meses, pouco depois da prisão de um brasileiro num aeroporto de Paris, que usava uma mochila de marca brasileira.

A PF deve divulgar mais informações sobre as quadrilhas após o encerramento das ações.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.