Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A polícia prendeu no final de semana uma mulher que confessou integrar a quadrilha que usou um túnel de 150 metros para roubar R$ 27 milhões de uma transportadora de valores. Os ladrões alugaram uma casa vizinha e escavaram o acesso ao cofre durante sete meses. A prisão da mulher foi mantida em sigilo.

Segundo a polícia, a mulher confessou que fazia parte do esquema para não levantar suspeita e sugerir que ali morava uma família.

A empregada doméstica contou à policia que frequentava a casa de segunda a sexta para fazer a limpeza e que ganhava R$ 400 por semana.

Ela admitiu que sabia o que os ladrões planejavam, mas continuou o trabalho porque precisava de dinheiro para sustentar a filha de três anos. A mulher revelou ainda que o túnel era escavado de sexta-feira até domingo. Enquanto ficou na casa, conheceu apenas duas pessoas e não teve contato com os homens que escavaram o túnel.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]