Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
UFC descarta evento na Arena da Baixada em 2017
| Foto:

Apesar do sucesso do UFC 198, maior evento de MMA da história do Brasil, o país está perdendo espaço nos planos do campeonato para 2017.

A Arena da Baixada, que abrigou o show em Curitiba, por exemplo, sequer entrou na pauta dos donos da empresa, agora o grupo de entretenimento WME-IMG, responsável pela compra de US$ 4 bilhões em julho. O blog apurou a informação com pessoas próximas ao Ultimate.

Neste momento, o foco é o público americano, tanto que o UFC virá ao Brasil apenas três vezes no ano que vem, mesmo patamar de 2012, quando começava a desbravar o mercado nacional.

Produzir um evento tão grande quanto o UFC 198 demanda tempo e dinheiro. A ordem na companhia, no entanto, é maximar os lucros em locais menores. Sem receber o campeonato neste ano, o Rio de Janeiro voltará a ser a ‘menina dos olhos’. Por lá, há duas opções de ginásios: a Rio Arena (antiga HSBC Arena) e o Maracanãzinho.

Uma pena para a capital paranaense, já que R$ 45,2 milhões foram despejados na economia sem praticamente nenhum gasto do poder público na semana do UFC. Ruim também para o Atlético, que terá de esperar no mínimo até 2018 para voltar a sediar o evento.

Atualização:

Em entrevista ao Combate nesta semana, o vice-presidente sênior internacional do UFC, Joe Carr, descartou uma edição na Arena em 2017.

“Não temos planos para eventos em estádios de futebol em 2017, mas estamos sempre em busca de oportunidades para que isso aconteça. O UFC 198, em Curitiba, foi muito caro para nós, mas achamos que era a coisa certa a se fazer. Foi um dos melhores eventos da história do UFC em todo o mundo, mas é muito difícil de se fazer. Não dá para fazer um daqueles todo ano”, afirmou.

Veja abaixo as incursões do UFC no Brasil:

1998: 1 (São Paulo)

2011: 1 (Rio de Janeiro)

2012: 3 (Rio, Belo Horizonte, Rio)

2013: 7 (São Paulo, Jaraguá do Sul, Fortaleza, Rio, Belo Horizonte, Barueri, Goiânia)

2014: 7 (Jaraguá do Sul, Natal, São Paulo, Brasília, Rio, Uberlândia, Barueri)

2015: 5 (Porto Alegre, Rio, Goiânia, Rio, São Paulo)

2016: 3 (Curitiba, Brasília e São Paulo*)

2017: 3**

*a ser realizado em novembro

**projetado

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]