Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Uma ceia completa de Ano Novo para fazer em casa. Vamos arriscar?
| Foto:
Anacreon de Téos
Costeleta de leitão crocante na mostarda com purê de feijão branco e marmelada de cebola roxa – receita da chef Manu Buffara que tem jeito de Ano Novo.

Não é todo mundo que tem disposição de sair por aí no Ano Novo, enfrentando filas, agitos e uma zoeira geral – que assola o litoral, por exemplo.

Muita gente também reserva mesas em hotéis e restaurantes programados para o evento. Mas não são poucos aqueles que preferem ficar em casa. Ou na casa de amigos ou parentes, preparando a curtindo a própria festa de passagem de ano. Com o afeto das pessoas queridas e dentro da própria programação estabelecida.

Para estes, aqui vai uma sugestão de cardápio que não exige tantos cuidados e pode ser planejado já a partir de hoje, para as compras de mercado e primeiras providências para a execução dos pratos. Uma salada de entrada, dois pratos principais (ou primeiro e segundo pratos, conforme o desejo na hora de servir) e uma sobremesa e tudo estará resolvido, com ingredientes ligados à tradição da data.

Como as lentilhas, que dizem trazer fortuna. Aqui são apresentadas em forma de salada, em receita do chef Alexandre Vicki, que brilhou muito em Curitiba e hoje está em Goiânia, comandando a cozinha do Restaurante Coralina, do Hotel Mercure. Na composição do prato, a combinação das lentilhas com o queijo gouda e a rúcula, ornada com os bastonetes de parmesão, que podem ser adquiridos prontos em padarias. E um toque agridoce com damascos e o oriental molho de ostra.

O primeiro dos pratos principal é o bacalhau, tradicional nas mesas européias no Ano Novo, embora por aqui esteja sempre muito mais ligado à Páscoa. E a receita está entre as mais simples e tradicionais, à Gomes de Sá, apresentada pelos produtores do Bacalhau da Noruega. Combinação clássica: bacalhau, cebola, ovos, azeitonas, alho e salsinha.

O prato de carne está de acordo com os preceitos do último dia do ano. Nada de aves, que ciscam para trás. Ou de ruminantes, que devolvem a comida depois de mastigada. O recomendado é utilizar carne suína, porque o porco chafurda para a frente (pensando bem, no fundo é tudo uma grande bobagem, mas tudo bem, são as recomendações populares). E aí, de acordo do o tema, nada melhor que um courinho pururuca à mesa. Como uma receita que a chef Manu Buffara, hoje brilhando à frente de seu próprio restaurante, o premiado Manu, nos ofereceu tempos atrás, quando ainda estava à frente da cozinha de outro estabelecimento. Trata-se de uma Costeleta de leitão crocante na mostarda com purê de feijão branco e marmelada de cebola roxa que vai arrancar suspiros dos presentes.

E por falar em suspiro, que venha a sobremesa: Pudim de claras com calda de grenadine. O xarope de grenadine se encontra pronto e é muito utilizado em coquetéis. É feito de romã, fruta sempre presente nas comemorações de virada de ano. O pudim de claras é feito normalmente (e veja como a receita é bem simples) e depois de frio a calda é despejada por cima. Dá um ótimo visual e reforça o bom paladar.

Pronto, aí está nosso cardápio de Ano Novo. Agora é só ir às compras e começar a prepará-lo. Vamos às receitas?

=-=-=-=-=-=-=-=

Anacreon de Téos
Salada de lentilhas, queijo gouda e rúcula com bastonetes de parmesão – da inspiração do chef Alexandre Vicki.

Salada de lentilhas, queijo gouda e rúcula com bastonetes de parmesão

A partir de receita original do chef Alexandre Vicki

Ingredientes

200 g de lentilhas cozidas (com os grãos firmes)
200 g de queijo gouda cortado em cubos
½ maço de rúcula cortada em tiras
100 g de pancetta cortada em tiras
20 tomates-cereja cortados ao meio
100g de damascos cortados em cubos
2 cabeças de alho laminadas
2 folhas de massa folhada
Azeite de oliva
50 g de parmesão ralado
1 ovo batido
molho de ostra

Preparo

Em uma frigideira, frite as lâminas de alho em bastante azeite até ficarem douradas, escorra-as e reserve.
Volte o azeite na frigideira e salteie a pancetta, os tomates cereja, os damascos e as lentilhas. Tempere com sal e pimenta-do-reino moída na hora e quando estiver frio adicione o queijo gouda e a rúcula. Corrija o tempero e reserve.
Pincele a massa com o ovo e polvilhe o parmesão, corte-a com as medidas de 1,5 cm x 5,0 cm e leve a assar em forno quente até ficarem douradas.
Para servir molde a lentilha com um aro de enformar e coloque os bastonetes em volta. Decore o prato com as lâminas de alho e com gotas do molho de ostra.

Rendimento: 4 porções.

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Divulgação
Bacalhau da Noruega à Gomes de Sá. Receita simples de fazer e com todo o sabor que dela se espera.


Bacalhau da Noruega à Gomes de Sá


Sugestão dos produtores do “Bacalhau da Noruega”

Ingredientes:

1 kg de peixe tipo Bacalhau Saithe, Ling ou Zarbo, desfiado em lascas e dessalgado
200 ml de azeite de oliva
2 dentes de alho esmagados
4 cebolas médias, em rodelas
1 kg de batatas inglesas lavadas e cozidas
4 ovos cozidos, cortados em rodelas
Leite, o quanto baste, para cobrir o bacalhau
Azeitonas pretas, a gosto
Salsa picada para polvilhar
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Colocar o bacalhau, já dessalgado, em um recipiente fundo, coberto com leite quente. Deixar a infusão por uma hora e meia a duas horas.
Levar ao fogo baixo uma frigideira grande, colocar o azeite, o alho e as cebolas até dourar. Retirar do fogo
Em um refratário grande, distribuir as rodelas de batata o refogado de alho e cebola e as lascas de bacalhau já escorridas e temperadas com pimenta.
Ajustar o sal.
Levar a travessa ao forno alto por 30 minutos.
Enfeitar com ovos cozidos, as azeitonas pretas e a salsa picada.

Rendimento: 4 porções.

=-=-=-=-=-=-=-=-=

Costeleta de leitão crocante na mostarda com purê de feijão branco e marmelada de cebola roxa

Anacreon de Téos

 

A partir de receita da chef Manu Buffara

Purê de feijão branco

1 kg de feijão branco
Sal, pimenta, curry, páprica picante, noz moscada

Cozinhe o feijão branco e bata no liquidificador até atingir a consistência de creme. Tempere com as especiarias e reserve.

Marmelada

75 g de cebola roxa
20 g de vinho tinto
10 g de vinagre de vinho tinto
5 g de açúcar

Puxe a cebola no azeite, deixe murchar, adicione o vinagre, deixe evaporar e depois adicione o vinho e o açúcar. Deixe secar e reserve.

Costeleta de leitão

300 g de costeleta de leitão

Tempere com sal, pimenta, alecrim, mostarda. Coloque no forno para assar durante 40 minutos a 185 ºC.

Mini legumes

8 mini-cenoras
8 mini-nabos
8 mini-beterrabas

Cozinhe os legumes em água salgada e fervendo. Retire e salteie na manteiga.
Sirva o purê de feijão branco com especiarias e a costeleta na mostarda.

=-=-=-=-=-=-=-=

Anacreon de Téos
Pudim de claras com grenadine – uma sobremesa delicada para fechar a noite em alto estilo.


Pudim de claras com calda de grenadine

Ingredientes

Manteiga para untar
8 claras
16 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (chá) de casca de limão ralada
Xarope de grenadine

Preparo

Unte uma forma para pudim (com buraco no meio).
Bata as claras em ponto de neve. Acrescente o açúcar aos poucos e bata muito bem – até que, levantando a pá da batedeira, o suspiro mantenha sua forma.
Junte a casca de limão e misture.
Coloque o suspiro aos poucos, com o auxílio de uma colher (sopa), na forma reservada e alise bem. Bata ligeiramente a forma sobre a mesa para dissolver as eventuais bolhas de ar.
Leve o pudim em banho-maria ao forno moderado (170ºC) e deixe assar por cerca de 35 minutos ou até dourar (o pudim cresce e depois abaixa um pouco).
Deixe esfriar e a seguir desinforme.
Regue por cima o xarope de grenadine em fios.

Rendimento: 8 porções.

(mais receitas aqui, ainda mais saborosas, em outra postagem)

=-=-=-=-=-=

Entre em contato:
Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/
Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos
E-mail: a-teos@uol.com.br

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]