Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Os amigos Gabriel Toledano, Ricardo Bernardazzi e Murilo Hubert lavaram voluntariamente o avião da Praça do Expedicionário.
Os amigos Gabriel Toledano, Ricardo Bernardazzi e Murilo Hubert lavaram voluntariamente o avião da Praça do Expedicionário.| Foto: Facebook Museu do Expedicionário

Quem for à comemoração do Dia do Aviador neste sábado (26) na Praça do Expedicionário, em Curitiba, vai encontrar o avião P-47 Thunderbolt, que está há 50 anos exposto no local, limpinho. A limpeza do avião, parte do acervo do Museu do Expedicionário, que guarda a memória dos combatentes brasileiros na II Guerra Mundial, é fruto de uma ação voluntária de três amigos.

RECEBA notícias de Curitiba e região em seu Whatsapp

A limpeza foi feita nos dias 18, 19 e 20 de outubro pelo pilotos de avião Gabriel Caminha Toledano e Ricardo Bernardazzi, e o advogado Murilo Hubert. “Comecei sozinho e meus amigos ajudaram depois”, explica Gabriel. No total, foram oito horas de trabalho.

A retirada de sujeira, fuligem e mofo exigiu todo um cuidado para não danificar o avião, restaurado em 2017. “Usei pano de microfibra para não arranhar a pintura, sabão neutro, escova macia e um pincel de detalhamento para as frestas, para tirar o mofo e o limo”, explica o piloto. Após verem a postagem da limpeza nas redes sociais, Ricardo e Murilo também se voluntariaram para ajudar.

Limpeza do avião P-47 Thunderbolt levou três dias.
Limpeza do avião P-47 Thunderbolt levou três dias.| Facebook Museu do Expedicionário

Gabriel já tinha o desejo de ver o avião em bom estado antes mesmo da limpeza voluntária. A sujeira e a degradação da pintura incomodavam o piloto, que em 2017 lançou a ideia de restaurar a aeronave. “Passava pela Praça do Expedicionário e via que o avião estava degradado por causa do sol e do calor. Aí estreitei o relacionamento e o avião foi restaurado meses depois”, conta. Com novo verniz e acabamento, Gabriel se voluntariou a fazer manutenções periódicas no P-47 Thunderbolt.

Com a limpeza, Gabriel espera que a ação incentive outros colegas a fazer o mesmo em outras cidades. “Muitos amigos de fora de Curitiba estão procurando os responsáveis para também fazer a manutenção de outros aviões instalados em praças pelo Brasil. Meu papel é esse: incentivar e manter a história da aviação pelos que lutaram por nós”, ressalta.

Da guerra para a praça

Destaque da Praça do Expedicionário, no bairro Alto da XV, o P-47 Thunderbolt, foi um dos caças mais produzidos para a II Guerra Mundial. Ótimo avião de ataque ao solo, o modelo foi usado pela Força Aérea Brasileira (FAB) nos combates na Itália.

O avião da praça foi pilotado pelo capitão aviador Fortunato Câmara de Oliveira, na Itália. Depois da guerra, o caça foi enviado para a Base Aérea de Santa Cruz (RJ), e depois para o Centro de Oficiais Especialistas (COE), no quartel da Aeronáutica no bairro Bacacheri, em Curitiba, em 1952. A aeronave foi instalada na Praça do Expedicionário 17 anos mais tarde, em 1969.

9 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]