Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Policial aborda carro em Curitiba
Segundo a PM, o dobro do efetivo vai estar nas ruas durante o jogo para evitar confusões. (Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo/Arquivo)| Foto:

O confronto entre Athletico Paranaense e Boca Juniors pela Copa Libertadores da América vai alterar o trânsito na região da Arena da Baixada, no bairro Água Verde, em Curitiba, na noite desta terça-feira (2). Diversas ruas serão fechadas e até mesmo a circulação de pedestres vai ser restrita nas proximidades do estádio. Além disso, a capital deve contar ainda com policiamento reforçado, já que a Polícia Militar (PM) confirmou que vai dobrar seu efetivo para garantir a segurança durante a partida, além do apoio da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

RECEBA notícias de Curitiba e região em seu WhatsApp

Os bloqueios serão organizados pela própria PM e devem começar por volta das 18h30, três horas antes do início do jogo. Segundo a corporação, os pontos de bloqueio serão nos seguintes cruzamentos:

  • Rua Engenheiro Rebouças com Rua Brigadeiro Franco;
  • Rua Brasílio Itiberê com Rua Brigadeiro Franco;
  • Rua Almirante Gonçalves com Rua Doutor Pedro Augusto Mena Barreto Monclaro;
  • Rua Madre Maria dos Anjos com Rua Baltazar Carrasco dos Reis;
  • Rua Coronel Dulcídio com Rua Baltazar Carrasco dos Reis;
  • Rua Brasílio Itiberê com Rua Alferes Ângelo Sampaio;
  • Rua Petit Carneiro com Rua Alferes Ângelo Sampaio;
  • Rua Coronel Dulcídio com Avenida Getúlio Vargas;
  • Rua Buenos Aires com Avenida Getúlio Vargas.

E não serão apenas os carros que ficarão impossibilitados de circular dentro desse perímetro. Segundo a PM, somente quem tiver ingresso e moradores da região poderão circular pela área — medida feita justamente para evitar grandes aglomerações e facilitar ações de policiamento.

Reforço policial

A principal preocupação em relação à segurança está relacionada justamente à quantidade de pessoas. Ao todo, cerca de 32 mil pessoas devem ir ao estádio nesta noite. Segundo a PM, 600 torcedores do Boca Juniors estão confirmados nas arquibancadas, mas há a possibilidade de esse número seja ainda maior, já que é feriado na Argentina nesta terça-feira e muitos torcedores podem ter vindo para a capital paranaense mesmo sem ingresso. Além disso, há também o fato de que a La Doce, torcida organizada do Boca Juniors, é conhecida por ser a mais perigosa e influente do mundo.

Por isso, a Polícia Militar anunciou que vai dobrar o efetivo nas ruas já a partir das 18h. Policiais de cinco batalhões vão ajudar no patrulhamento, além do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) e do Regimento de Polícia Montada (RPMON).

Até mesmo a Polícia Federal está colaborando para evitar confusão com os torcedores argentinos. De acordo com o major Sthéfano Janata, a Polícia Militar do Paraná já está em contato com a PF para monitorar os ônibus que venham de Buenos Aires. Além disso, a Polícia Rodoviária Federal também deve fazer abordagens nas caravanas que vêm do país vizinho.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]