i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Série B

Diretor de esportes de Joinville confirma reunião com Cirino

Segundo Jorge Nascimento, presidente do Coritiba viaja terça-feira para Santa Catarina para definir cessão do estádio para o Brasileiro

  • PorAngelo Binder
  • 12/03/2010 11:22
Arena teve sua primeira etapa inaugurada em 25 de setembro de 2004, na partida entre Joinville e Seleção Masters. Agora, será a casa do Coritiba na Série B | Reprodução
Arena teve sua primeira etapa inaugurada em 25 de setembro de 2004, na partida entre Joinville e Seleção Masters. Agora, será a casa do Coritiba na Série B| Foto: Reprodução

O Coritiba pode confirmar a Arena Joinville como local para abrigar as 10 partidas da punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), na última quinta-feira. Na terça-feira (16), uma reunião entre o presidente coxa, Jair Cirino e a Fundação do Esporte do município catarinense deverá sacramentar a cessão do estádio.

"Nessa reunião nós vamos tratar de uma possível vinda do Coritiba aqui para o Joinville. Eu não vejo problema nenhum. A gente sabe o que aconteceu naquele jogo do Brasileiro foi uma coisa atípica A gente vê como uma atração para a cidade trazer jogos do Brasileiro da Série B", disse, por telefone, Jorge Nascimento, diretor- presidente da Fundação do Esporte de Joinville.

Segundo ele, o Alviverde teria de arcar apenas com despesas para abrir o estádio em dia de jogos - tais como custos de energia elétrica, água e estrutura administrativa. "São taxas normais que o Coritiba já tem aí, mesmo sendo estádio dele. Não vamos cobrar valores fora da realidade. Não queremos nos aproveitar da situação, esse não é o objetivo. Uma possível compensação pela utilização de camarotes, coisas assim", garantiu, lembrando que a diretoria do Joinville, clube que usa o estádio, também será convidada para o encontro da semana que vem.

O Coritiba perdeu 10 mandos de campo no Brasileiro da Série B. Com isso, a diretoria alviverde, embora estude entrar com recurso, já pensa onde mandará as partidas. O local não pode ser a menos de 100 quilômetros distância.

Após o julgamento no Rio de Janeiro, o vice-presidente Coxa, Vilson de Andrade Ribeiro, citou a Arena Joinville como uma das possibilidades. A escolha também agradaria a torcida. A cidade catarinense lidera com sobra uma enquete da Gazeta do Povo sobre qual o estádio ideal para o Coritiba mandar seus jogos.

JEC não vê problemas, além do calendário

A diretoria do Joinville também não vê problema quanto à possilidade do Coxa mandar jogos na "sua casa". "O Coritiba, se quiser jogar aqui, teria de entrar em contato com a prefeitura porque é um estádio municipal. Eu acredito que se tiver entendimento com a prefeitura, não tem problema", explicou Osni Fontan, supervisor de futebol do JEC, por telefone, à Gazeta do Povo.

Fontan detalha que o estádio está em perfeitas condições de sediar jogos de importância. "É um estádio bom, moderno, cabem 18 mil pessoas tranquilamente, bons vestiários. Foram feitas algumas alterações exigidas pela Polícia Militar. Foram feitas alterações para dar mais segurança. Nós treinamos, por contrato, na estrutura da Arena", lembrou.

Hoje, apesar da parceria com a prefeitura local, o Joinville é o responsável pela manutenção do gramado do estádio. Segundo Fontan, os dois times só precisariam torcer para os calendários não baterem de frente.

"Não poderia prejudicar o calendário do Joinville. Nós temos o campeonato catarinense. Outras datas, a Arena estaria à disposição. No segundo semestre, nós vamos estar na Copa Santa Catarina, que vale vaga na Copa do Brasil, quer dizer, então vão ter jogos", disse.

Vílson Ribeiro de Andrade já manifestou o desejo de locar a equipe coritibana na cidade-sede das 10 partidas da punição, Fontan tem ressalvas. "Eu acho que é meio difícil porque o CT do Joinville está com as categorias de juniores, infantil e juvenil. O CT existe somente dois campos. Só se uma parceria fosse feita para dar condições do Joinville treinar em outro lugar. Quem é que não quer jogos diferentes e de qualidade na cidade? Curitiba é tão pertinho, viria tanta gente de fora, seria bom para a cidade, comércio, indústria, restaurantes. Seria bom para a cidade receber nossos amigos paranaenses", justificou o supervisor.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.