Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

semifinal

Operário revê técnico histórico e tenta revanche com o Cuiabá na final da Série C

  • Fernando Rudnick
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Conectados por um treinador, Operário-PR e Cuiabá começam a decidir neste domingo (16), às 15h30, no Germano Krüger, o título da Série C do Brasileirão. Ambos já estão garantidos na Série B em 2019.

O catarinense Itamar Schülle, comandante do Fantasma no Paranaense 2015 – primeiro título da centenária história do clube –, está no time mato-grossense desde o início da temporada.

Do outro lado, Gerson Gusmão, auxiliar de Itamar na época da conquista estadual, tenta levar o time de Vila Oficinas ao segundo título nacional consecutivo – no ano passado, Gersinho liderou a equipe na conquista da Série D.

>>Operário ensina fazer mais com menos

>> Zebra ‘planejada’, Operário aposta em clima familiar e salários de até R$ 12 mil

“Estou feliz duplamente”, disse Schülle à Gazeta do Povo.

“Conquistamos um acesso muito importante para o Cuiabá e vivi um momento ímpar no Operário também, pela maneira com que conquistamos o título na final com o Coritiba. Foi muito especial e nenhum torcedor esquece”, lembrou o técnico.

“Fico contente também pelo Gersinho e pelos atletas também. Tem muita gente que levei para lá [Ponta Grossa] que ainda permanece. O Gersinho é um grande profissional, me ajudou durante bons anos e espero ter contribuído com a carreira dele também”, emendou Schülle.

Outro ingrediente apimenta a decisão. Na sexta rodada da primeira fase do torneio, o Cuiabá goleou o Operário na Arena Pantanal. E o revés certamente não foi esquecido.

TABELA: Confira a classificação atualizada e os jogos do Brasileirão

MERCADO: Veja quem chegou e quem saiu do seu clube

“Eles falaram um monte de nós, tiraram sarro quando fizeram 4 a 0. Mas não vamos levar nada pro lado pessoal, vamos fazer nosso trabalho”, reiterou o presidente do conselho gestor do Fantasma, José Álvaro Góes Filho.

“Rivalidade deixamos para as torcidas fora de campo... As coisas acontecem dentro de campo e jamais vou levar para o lado pessoal”, amenizou Schülle.

Segundo Gersinho, foi exatamente após a derrota no Mato Grosso que o Operário mostrou que teria capacidade de brigar pelo acesso. Desde então, a equipe de Ponta Grossa venceu sete jogos, empatou quatro e perdeu apenas um até fechar a primeira fase na segunda colocação do Grupo B.

No mata-mata, o clube eliminou o Santa Cruz no duelo do acesso e na sequência passou também pelo Bragantino para alcançar a decisão da Terceirona.

Para a revanche na decisão, Gersinho não terá o lateral-direito Léo, suspenso. O volante e capitão Chicão, por outro lado, volta ao time após cumprir suspensão na semifinal.

A segunda partida da final será no dia 22 de setembro, às 19h, na Arena Pantanal.

Ingressos

O Operário espera casa cheia na final da Série C, algo que não conseguiu fazer nas quartas de final (6.477 pagantes), nem na semifinal (4.524 pagantes). Apesar da boa presença de público nos dois jogos, a capacidade máxima do Germano Krüger não foi alcançada.

“Vamos fazer um trabalho para tentar lotar o estádio para esse jogo, que é uma decisão inédita”, aposta Góes, que conseguiu a liberação do Germano para a partida após comprovar que o local pode comportar mais de 10 mil pessoas, mínimo exigido para a final do campeonato.

Até sábado, as entradas custam R$ 100 (R$ 50 meia-entrada). No dia da partida, o preço sobe para R$ 150 (R$ 75 meia-entrada).

Grupo de WhatsApp do Brasileirão 2018

O Brasileirão 2018 no seu celular. Você pode receber mensagens instantâneas, via WhatsApp, para ficar bem informado sobre tudo o que vai acontecer no Campeonato Brasileiro. Para receber diariamente as principais notícias, resultados e classificação, basta seguir os passos abaixo. É muito simples. Junte-se a nós no Brasileirão 2018!!! Seja bem-vindo ao nosso grupo!

*

Tabelas

o que você achou?

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE