i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
E ainda: a interferência na Petrobras

Brasil a caminho de ampliar oferta de vacinas. Privatização da Eletrobras vem aí

  • 24/02/2021 07:00
Vacinação contra a Covid-19
Brasil é o quinto país que mais vacinou contra Covid-19.| Foto: Ricardo Marajó/SMCS

Para começar este resumo de notícias. Com a vacinação contra a Covid-19 caminhando a passos lentos no Brasil, Legislativo e Judiciário tomaram medidas para descentralizar o processo de imunização e tentar, assim, acelerar os trabalhos. O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria nesta terça-feira (23) para permitir a compra de vacinas por estados e municípios, caso as doses ofertadas pelo Ministério da Saúde sejam insuficientes para atender a população local. Uma medida provisória nesse sentido também foi aprovada pela Câmara dos Deputados. Ainda ontem, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu o primeiro registro definitivo no país, à vacina da Pfizer/Biontech.

Setor privado. No Senado, o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), apresentou um projeto de lei que prevê a possibilidade de compra de vacinas pelo setor privado. No primeiro momento, porém, toda aquisição deve ser doada ao Sistema Único de Saúde (SUS). Comercialização direta só após a vacinação dos grupos prioritários.

Terceirização. Para a população, a intermediação do Senado no impasse sobre as vacinas aumenta as expectativas de ampliação da oferta no país. Para o governo federal, no entanto, essa “terceirização” da solução não traz grande capital político. De Brasília, o correspondente Rodolfo Costa explica por quê.

Utilidade pública  

Preços dos combustíveis. Dentro de 30 dias, os postos serão obrigados a exibir a composição de preços e os tributos que incidem sobre os combustíveis. A determinação consta de um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e publicado no Diário Oficial da União. Pelo texto, “os consumidores têm o direito de receber informações corretas, claras, precisas, ostensivas e legíveis sobre os preços dos combustíveis automotivos no território nacional”. Fernando Jasper explica em detalhes esse decreto e mostra o que o governo federal tem em mente para tentar segurar os aumentos seguidos nas bombas.

Tratamento precoce. Um manifesto assinado por 2.122 médicos brasileiros, publicado nesta terça-feira (23) em 11 jornais brasileiros, defende o uso de medicamentos para o tratamento precoce da Covid-19. O texto assinado pelo movimento Médicos pela Vida cita evidências científicas e clínicas para defender o uso de um coquetel de remédios para evitar que pacientes progridam para fases mais graves da doença. O texto também destaca a importância da relação médico-paciente quanto ao tratamento precoce, mencionando que ambas as partes devem estar de acordo com a terapêutica proposta.

Atualização. Em 24 horas, entre segunda (22) e terça-feira (23) o Brasil registrou mais 62.715 casos do novo coronavírus, e 1.386 mortes pela doença, segundo o último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde. Ao todo, o Brasil já registrou 10.257.875 diagnósticos positivos, com 248.529 óbitos e 9.215.164 recuperados.

Política e economia

Privatização da Eletrobras. O presidente Jair Bolsonaro entregou pessoalmente ao Congresso Nacional a Medida Provisória (MP) que acelera o processo de privatização da Eletrobras. De Brasília, Jessica Sant’Ana conta que a MP é semelhante ao projeto de lei encaminhado pelo Executivo em novembro de 2019, com a diferença de que permite a inclusão imediata da estatal no Programa Nacional de Desestatização (PND). É mais um trabalho para o Congresso, que também tem pela frente três “bombas fiscais”, que juntas vão consumir dezenas de bilhões de reais: o novo auxílio emergencial, a redução dos tributos sobre diesel e gás de cozinha, e uma solução para baixar a conta de luz. Saiba como governo e Congresso pretendem desarmar essas bombas.

Interferência na Petrobras. A demissão do presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, deixou os investidores em polvorosa, fez com que a empresa perdesse cerca de R$ 70 bilhões em valor de mercado e também desagradou muitos economistas, políticos e ex-aliados do governo, que criticaram a interferência do Executivo na estatal. O Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União (TCU) enviou uma representação ao plenário da corte para pedir que a Petrobras não faça nenhuma alteração na sua presidência até que o tribunal julgue se houve ou não interferência do presidente na empresa. E como foi a gestão do indicado para comandar a empresa, general Joaquim Silva e Luna, à frente de Itaipu?

Giro pelo mundo. As autoridades chinesas pouco fizeram para investigar a origem do novo coronavírus nos oito primeiros meses após o surto de Covid-19 em Wuhan. A conclusão foi apontada em um relatório interno da Organização Mundial de Saúde (OMS), datado de agosto de 2020, mas que só agora veio a público. Ainda sobre a China, Isabella Mayer de Moura mostra que o país prepara mais uma intervenção na política de Hong Kong, promovendo reformas eleitorais que visam evitar que a oposição “anti-China” participe do governo. E, dos Estados Unidos, vem a informação de que parlamentares da Virgínia aprovaram o fim da pena de morte no estado que mais executou condenados na história americana.

O que mais você precisa saber hoje

Investigação. STJ anula quebra do sigilo bancário de Flávio Bolsonaro no caso da “rachadinha”

Estados Unidos. Professora na Filadélfia ensina “comunismo negro” a alunos de 10 anos

Em queda. Com pandemia, cirurgias de mudança de sexo caem quase 60%

Lava Jato. Conselheiro do CNMP pede investigação disciplinar contra Deltan Dallagnol

Colunas e artigos

Maus exemplos na pandemia. Qual o nosso grau de responsabilidade em ter permitido que a pandemia do coronavírus chegasse ao patamar atual, com 2,5 milhões de mortes em todo o mundo? Em artigo, o ex-secretário de Saúde de São Paulo e professor da Unicamp Carmino Antonio de Souza afirma que o mundo foi incauto e que autoridades e a Organização Mundial da Saúde (OMS) falharam no processo. O colunista Filipe Figueiredo, por sua vez, faz uma análise do caso brasileiro e diz que o governo tem dado péssimos exemplos na administração da pandemia, gerando enorme custo interno e externo ao país.

Nossa visão  

Inquérito da Lava Jato. O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, abriu uma ação por iniciativa própria para investigar a suposta intenção de procuradores da Lava Jato de analisar a movimentação patrimonial de ministros da Corte, de acordo com supostos diálogos entre procuradores obtidos com os hackers presos na Operação Spoofing. Um inquérito que nasce repleto de irregularidades evidentes, mas que não impede seus autores de seguir adiante. Tema para o nosso novo editorial: O inquérito abusivo do STJ contra a Lava Jato.

O que confere um grau adicional de ilegalidade e arbítrio ao inquérito do STJ é o fato de ser aberto com base única e exclusivamente em uma evidência que não apenas é frágil – já que nem mesmo a perícia da Polícia Federal foi capaz de comprovar a autenticidade das mensagens –, mas completamente ilícita, já que oriunda de um crime, a invasão dos celulares de autoridades.

Para inspirar

O primeiro assinante da Gazeta. Um cometa, como eram apelidados os caixeiros viajantes do início do século XX, foi o primeiro assinante da história da Gazeta do Povo. Ao assinar a Gazeta em fevereiro de 1919, Mário Caron foi pioneiro, visionário em apoiar o jornalismo independente e influenciou gerações de descendentes. Fábio Calsavara conta a história dele, sua relação com a Gazeta e o legado que permanece até os dias atuais. Tenha um ótimo dia!

7 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 7 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • F

    Fernando Fernandes

    ± 6 horas

    Excelente notícia sobre a vacinação! Agora o Bozo e seu servo Pançuello podem continuar boicotando a vacinação que teremos uma saída!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • K

      KF

      ± 7 horas

      Já vi tudo. Para os grupos não prioritários só vai restar a vacina particular ou esperar 2 ..3..4 anos pela pública. É muita lerdeza desse desgoverno.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • P

        Paulo Santos

        ± 6 horas

        Comentário que denota total desconhecimento do que ocorre no planeta. Por que o governo petista não construiu uma empresa que realmente tivesse condições de fabricar milhões de doses em um MÊS ? Ou pensa que os países que REALMENTE fabricam com SEUS INSUMOS irão vender antes de vacinarem suas populações ? Com toda força contra estamos entre os 20% dos países que mais estão vacinando. É bom se informar para não comprovar sua ignorância. Nenhum países com mais de 200 milhões chegaram aos dois dígitos de vacinados, ou seja 10%. Mesmo os que as fabricam !!!

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    • S

      Sergio

      ± 7 horas

      O que ocorrido ultimamente no Brasil, demonstra o tanto que estamos literalmente atrasado. Não conseguimos atender com eficiência e sintonia ação de saúde e nem educação e segurança pública. Mas, setores ineficientes como os do transporte rodoviário consegue fazer pressão em prejuízo ao país, como o do preços dos combustíveis a estilo "Dilma" e na "BR do mar" impedindo a concorrência com os navios de transporte. E o governo em pleno século XI fica ainda cobrando dos consumidores energia elétrica, como se fosse nos tempos da telefonia. Imagine o governo tivesse que cobrar internet e conta de celular? Ou ficar vendendo ferro, aço, alumínio?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • P

        Paulo Santos

        ± 5 horas

        A "inguinorância" é imensa. Tudo que é citado deveria ter sido realizado por nuestra IZQUIERDA nas últimas décadas. Cobrar TUDO como se fora culpa de quem está faz dois anos é realmente ignorância ou má fé (ou as duas). O petismo nos colocou entre os últimos do planeta em educação, saúde e segurança, mas tivemos COPA e OLIMPÍADAS. Critérios foram modificados para ficarmos bem nas FOTOS. Acima de 300 reais passou a ser CLASSE MÉDIA, e escrever seu próprio nome passou a ser ALFABETIZADO, entre centenas de dados "falços" para enganar militantes que desejam imensamente serem enganados. O que se há de fazer, a izquierda ODEIA o Brasil, aprendeu na escola a ser assim, ama tudo menos a sua PÁTRIA.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    • S

      Sr. Walker

      ± 8 horas

      O quê? Mais vacinas? Então o sonolento ordenança incapaz de qualquer coisa acordou? Louvado seja o Senhor. Vade retro bolsonaro filho do cão.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • P

        Paulo Santos

        ± 5 horas

        Com esse tipo de pensamento, sem sugerir nada, sem demonstrar qualquer conhecimento da realidade de como nuestro país virou nesse "Cubão", após décadas comandado pela izquierda, desde 1985, é fácil comentar. A muitas décadas nos foi oferecido uma COPA do MUNDO, e o presidente respondeu que necessitávamos de ENSINO, SEGURANÇA e SAÚDE, e agradeceu a oferta. 50% dos gastos de 2014 foram para o bolso de políticos, nas Olimpíadas tb, mas o leitor não sabia, com seu mentor que "crucificou" Tiradentes. Se fosse só isso estaríamos bem, o "pobrema" foram os cerca dos 13 Dígitos ($$$$$$$$$$$$$,00) SURRUPIADOS. Esses SIM, foram os grandes responsáveis por estarmos patinando a procura do FUTURO MELHOR !

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    Fim dos comentários.