Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Valter Fernandes/Gazeta do Povo
| Foto: Valter Fernandes/Gazeta do Povo

O maringaense João Bombeirinho (foto), que foi diagnosticado com leucemia em 2007 e ficou famoso pela luta contra a doença, transformou-se em um super-herói numa história em quadrinhos que explica a importância da doação de medula óssea. A revista, criada especialmente para comemorar dois anos do transplante do menino e um ano de funcionamento do Instituto João Bombeirinho, será distribuída gratuitamente em escolas e hospitais. O instituto foi criado pela mãe de João, Ana Paula Estevam, para auxiliar quem precisa de transplante de medula óssea, por meio de assistência jurídica e informativa. O menino completa 9 anos em novembro deste ano.

PT hackeado

O site do PT em Maringá foi hackeado na noite de domingo, horas depois do resultado da eleição presidencial. A página passou a exibir o layout preto e a identificação do grupo responsável pelo ataque, o Monsters Defacers. Não havia mensagens direcionadas ao partido, somente uma frase com palavrão. Ao acessar a página, ontem, músicas de rap eram acionadas automaticamente e havia links para o Twitter, Facebook e o próprio site do grupo, em que anunciava, desde as 22h08 de domingo, a invasão à página petista.

Raiva

O presidente municipal do PT em Maringá, o vereador Mário Verri, disse que ele e os colegas de partido só ficaram sabendo do ataque na tarde de ontem, quando acessaram o site, e que uma equipe que já presta suporte técnico em informática trabalhava para restabelecer os dados. "Não entendemos o motivo disso. Lutamos para que não houvesse voto raivoso e não queremos governar pela raiva. A gente não vê política nem liberdade de expressão dessa maneira", disse.

Arte na faixa

Roberto Custódio/Jornal de Londrina

O branco original de uma faixa de pedestres no Centro de Londrina, Norte do Paraná, estava coberto de cores ontem (foto). Formas geométricas amarelas, azuis e vermelhas chamavam a atenção de pedestres e motoristas que passavam na Rua João Cândido, no cruzamento com a Avenida Paraná, no Calçadão. O trabalho, inspirado nas telas do pintor modernista holandês Piet Mondrian, faz parte da campanha "Londrina Escolhe a Vida", promovida pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) em prol de um trânsito mais seguro.

Vítimas do trânsito

Hoje, a CMTU, em parceria com o Colégio Sesi, promove uma ação no local da intervenção artística. Pela manhã, 15 alunos de ensino médio representarão as quase 80 vítimas que morreram no trânsito londrinense neste ano. Com cartazes numéricos, eles vão deitar na faixa por 2 minutos, chamando a atenção da comunidade sobre a fragilidade da vida e sobre a necessidade de uma mudança de cultura e de postura no trânsito. Na sequência, vão para a quadra seguinte, na faixa de pedestre da Avenida São Paulo. Desta vez, vão encenar motoristas e pedestres em situações diversas de perigo.

Segurança

Atenção moradores do bairro Água Verde, em Curitiba: será realizada hoje mais uma audiência do Conselho Comunitário de Segurança da região. A reunião começa às 19h30, no Restaurante Ancoradouro (Avenida Água Verde, 663). A presença deve ser confirmada pelo e-mail consegav@gmail.com ou pelo telefone (41) 3343-5591.

Colaboraram: Gesli Franco e Fábio Calsavara

Dê sua opinião

O que você achou da coluna de hoje? Deixe seu comentário e participe do debate.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]