Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Mais um grupo de médicos cubanos desembarcou em Curitiba nesta segunda-feira (2) | Marcelo Andrade/Agência de Notícias Gazeta do Povo
Mais um grupo de médicos cubanos desembarcou em Curitiba nesta segunda-feira (2)| Foto: Marcelo Andrade/Agência de Notícias Gazeta do Povo

A equipe de médicos estrangeiros que atua no Paraná por causa do programa Mais Médicos, do governo federal, aumentou nesta segunda-feira (2). A previsão é de que 80 profissionais desembarcassem em Curitiba até o fim do dia e outros 18 na manhã de terça, totalizando mais 98 médicos cubanos que vão trabalhar em 53 municípios paranaenses. Nesta segunda-feira, eles foram recepcionados pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo Silva.

INFOGRÁFICO: Distribuição dos médicos pelo estado

Atualmente, atuam no estado 136 médicos em 32 municípios. Com a nova distribuição, estarão atuando no Paraná, até a primeira semana de dezembro, 234 médicos estrangeiros. A informação inicial era de que 104 profissionais desembarcariam nesta segunda, mas o Ministério da Saúde corrigiu o dado. Os médicos vêm ao estado de Brasília e são transportados por um avião da Força Aérea Brasileira (FAB)

Os médicos destinados a municípios paranaenses fazem parte de um conjunto de três mil profissionais estrangeiros que estiveram, nas últimas três semanas, concentrados em Brasília, Fortaleza, Vitória, Belo Horizonte e São Paulo. Eles participavam do módulo de acolhimento e avaliação do programa.

Brasil

Atualmente, cerca de 3.600 profissionais estão atendendo pelo programa em todo o país, sendo 819 brasileiros e 2.845 estrangeiros. Esses médicos estão em 1.098 municípios e 19 distritos indígenas, a maioria deles no Norte e Nordeste.

Segundo o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, a expectativa é que todos os municípios tenham recebido os 13 mil médicos previstos pelo programa até março de 2014.

As inscrições para a terceira etapa do Mais Médicos foram abertas na última quinta-feira (28). Os interessados devem se inscrever no site do programa. Para formados no Brasil, a inscrição vai até 9 de dezembro. Médicos com registro profissional em outros países devem anexar ao formulário os documentos validados pelos consulados até o dia 13. Estarão disponíveis para o preenchimento de vagas nesta etapa todos os municípios que ainda não receberam nenhum profissional do programa.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]