i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Campanha

Comitês "rebeldes" promovem falsa união de rivais pelo país

  • PorFolhapress
  • 24/10/2014 13:29

No interior de um prédio numa avenida movimentada de João Pessoa, um cartaz chama a atenção: a presidente Dilma (PT) ao lado de Cássio Cunha Lima (PSDB), candidato ao governo. Entre as fotos, o lema petista "mais mudanças, mais futuro".

A foto da "aliança" estampa um "comitê rebelde", de apoio ao PT na eleição nacional e ao PSDB na estadual.

Responsável pelo comitê Dilma-Cássio, o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) diz que a iniciativa partiu de siglas que apoiam Dilma no plano nacional e Cássio localmente, como PP, PSD e PRB. "Nada mais natural que montássemos um espaço para apoiar nossos candidatos", afirmou o ex-ministro das Cidades de Dilma.

Marcada por dissidências das chapas oficiais, a campanha na Paraíba segue lógica própria, em que nenhum apoio soa insólito aos políticos. O cenário local, dizem, sempre fala mais alto.

Outro exemplo aparece a 5 km do "comitê tucano-petista". Numa casa no Tambaú funciona o comitê de apoio a Aécio Neves (PSDB) e a Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição que apoia Dilma neste segundo turno.

O espaço foi montado pelo deputado federal Efraim Filho, do DEM, partido que integra a coligação de Coutinho. "Temos que adequar nosso palaque à realidade local", diz.

Integrantes do PT da Paraíba, que faz parte da chapa de Coutinho, criticam a criação desses comitês, mas reconhece que não há como controlar as iniciativas.

Os tucanos disseram ver o movimento como natural. "As pessoas são livres para escolher os candidatos", afirma Ruy Carneiro, presidente estadual do PSDB.

Eleitores aproveitam os comitês para retirar material de campanha. A médica Liliana Carvalho, 30, por exemplo, passou pelo comitê "Cássio-Dilma" na quarta (23), mas apenas para pegar adesivos da petista. "Não voto em Cássio de jeito nenhum", diz.

OUTROS CASOSO fenômeno se repete em outras praças. Em Mato Grosso do Sul, cerca de 30% dos eleitores do petista Delcídio Amaral, candidato ao governo, votam em Aécio -o voto "Delcidécio". Não há um comitê oficial, mas um adesivo é visto em alguns carros com as inscrições: "Delcidécio: #aecio45 #delcidio13".

O cálculo é da própria campanha petista, baseado em pesquisas. O último Ibope, por exemplo, mostrou que 26% dos que declaram voto em Delcídio preferem Aécio a Dilma. O petista também concorre contra um tucano no Estado, o deputado federal Reinaldo Azambuja.No Ceará, embora tenha declarado voto em Dilma, o candidato ao governo Eunício Oliveira (PMDB) já subiu em palanque com imagens de Aécio e aparece em santinhos ao lado do tucano.

A campanha de Eunício nega relação com os santinhos e diz que a imagem em que aparece num palco atrás de uma imagem de Aécio é do início da campanha, numa decoração montada por um "aliado desavisado".

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.