i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Paraná S.A

Foto de perfil de Paraná S.A
Ver perfil
Bubble tea

Rede de chás de Foz do Iguaçu almeja fechar 2020 com 50 lojas

  • PorCamila Machado
  • 03/10/2019 16:00
Fachada da Bubble Mix Tea
Atualmente, a Bubble Mix Tea soma vinte e cinco operações espalhadas em quatro estados e onze cidades. A bebida é feita com pérolas de tapioca.| Foto: divulgação.

Morar na China durante três anos mudou a história do empresário Rodrigo Balotin. À época, ele fez casa em Hong Kong - região administrativa especial da China - para estudar mandarim e abrir uma empresa de desenvolvimento de fornecedores. O negócio rendeu o que precisava, mas foi na volta ao Brasil que uma ideia simples virou carreira. E o produto que o fez crescer é bem peculiar, um tipo de chá típico do Taiwan, também na Ásia. E pelo jeito, a bebida, que também dá nome à marca de Balotin, a Bubble Mix Tea, parece ter caído no gosto dos brasileiros.

A primeira unidade abriu em Foz do Iguaçu, extremo oeste do Paraná, de onde são também os outros sócios-proprietários da casa de chá, os empresários Alex Lin e Rogério Arcanjo. Juntos, os três, estão a frente de uma companhia que almeja fechar o ano de 2020 com cinquenta lojas, entre próprias e franqueadas. Atualmente, a Bubble Mix Tea soma vinte e cinco operações espalhadas em quatro estados e onze cidades.

“O Alex [o sócio] conheceu uma cafeteria em Cidade do Leste [cidade paraguaia vizinha de Foz do Iguaçu] e lá eles serviam o bubble tea. Foi quando começamos a estudar o mercado e tiramos o plano do papel”, conta Balotin.

O bubble tea é um chá taiwanês feito com pérolas de tapioca e é comumente conhecido na Ásia, Estados Unidos e Canadá. Pode ser consumido quente, frio, com mate gelado, com cremes, aromatizantes naturais, poppings e jellys. O menu da Bubble Mix Tea conta com 28 sabores da bebida e as pérolas – feitas de açúcar mascavo - são importadas de Taiwan.

Desafios

De acordo com Balotin, o maior desafio desde o lançamento da rede foi “quebrar o paradigma” de que o consumidor brasileiro não gosta de chás. “Quando a gente quebra a barreira do desconhecido e consegue que o cliente prove o nosso produto, ele gosta. Nossa margem de aceitação é de 70%. Quem experimenta, adora”, disse. O chá da Bubble Mix Tea custa a partir de R$ 12 e são 28 sabores da bebida.

 Da esquerda para a direita: Rodrigo Balotin , Alex Lin e Rogério Arcanjo, os sócios-proprietários da Bubble Mix Tea. Foto: divulgação.
Da esquerda para a direita: Rodrigo Balotin , Alex Lin e Rogério Arcanjo, os sócios-proprietários da Bubble Mix Tea. Foto: divulgação. | KEEP STUDIO

O menu inclui diversas versões clássicas, como o Ice assam black tea com limão, até receitas mais inusitadas, como rosa silvestre, hibisco e amora com limão, café com Oreo, chocolate branco com Oreo e café com Ovomaltine. Os mais pedidos são o Original, Frutas vermelhas com limão e Jasmine Green Tea com maracujá. Todos os chás do cardápio têm 500 ml.

Futuro

O modelo de negócio foi desenhado para shoppings centers e supermercados.

“Em média, os franqueados começam a ter retorno do investimento já nos primeiros seis meses da operação. O baixo número de funcionários e treinamentos oferecidos pela franqueadora facilitam o processo de inserção da marca em novos locais”, afirma. A taxa de franquia custa R$ 45 mil e, segundo a rede, o faturamento médio de uma loja de  9m² é de R$ 45 mil.  A Bubble Mix Tea tem como foco cidades com no mínimo 200 mil habitantes.

Para o futuro, Balotin revela que está nos planos da empresa também investir em plantas externas, que funcionem nas ruas.

Em Curitiba, a Bubble Mix Tea está tem onze endereços: no Shopping Barigui, no Shopping Curitiba, no Shopping Jardim das Américas, no Shopping Crystal, no Muffato Tarumã, no Shopping Estação, no Angeloni do Água Verde, no Shopping Omar, no Jockey Plaza, no Shopping São José e no Shopping Palladium.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 1 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • G

    George Orwell

    ± 0 minutos

    Tomei esse negócio uma vez na minha vida... Quem experimenta, não volta...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]