Assinaturas Classificados

Seções
Anteriores
Quem faz o blog
Publicidade

Luta Livre

Quem faz o blog
Seções
Entrevistas
Notícias
Outros Campeonatos
Perfil
Posts
UFC
Enviado por admin, 05/02/13 4:30:00 PM
Divulgação/UFC
Showtime Pettis vai lutar com José Aldo

Anthony Pettis está com moral alta com a alta cúpula do UFC. Mal havia sido escolhido para disputar o cinturão dos leves contra Benson Henderson, o americano de 26 anos já ganhou a oportunidade de fazer mais uma disputa de cinturão. E tudo por causa de uma mensagem de texto.

Logo depois da vitória de José Aldo sobre Frankie Edgar, no último sábado (2), Pettis mandou um torpedo para o presidente Dana White dizendo que queria enfrentar o brasileiro pelo título. Como sua atuações no octógono tem sido muito convicentes – ele vem de três vitórias seguidas, duas delas premiadas com o melhor nocaute da noite -, foi prontamente atendido.

“Dois dos caras mais mal encarados do negócio da luta vçai lutar nos pesos penas”, confirmou White ao jornal USA Today nesta terça-feira (5). “Esses dois são os mais incríveis atletas que desafiam a gravidade nesse esporte. Estou muito empolgado para essa luta”, completou.

O combate ainda não tem data nem local definidos, mas pode acontecer no Texas, Chicago, Las Vegas ou Rio de Janeiro, segundo a matéria.

Conhecido como Showtime, Pettis é faixa-preta de taekwondo, modalidade que o ensinou a aplicar golpes incríveis como no vídeo abaixo.

Enviado por admin, 27/01/13 3:30:00 PM

Glover Teixeira x Quinton Rampage Jackson

Demetrious Johnson x John Dodson

Anthony Pettis x Donald Cerrone

Enviado por admin, 20/01/13 1:42:00 PM

Enviado por admin, 30/11/12 2:15:00 PM
Divulgação/UFC
Shogun doou as luvas da luta contra Vera para a Santa Casa de Curitiba

O paranaense Maurício Shogun Rua doou as luvas usadas na luta contra o americano Brandon Vera, no UFC, em agosto, para um leilão beneficente realizado pela Santa Casa de Curitiba. Para fazer um lance – o atual está em R$ 4 mil – basta entrar no site
www.doesantacasa.org.br/shogun. A ação vai até o dia 20 de dezembro e todo retorno será destinado ao hospital. As luvas de quatro onças foram autografádas pelo lutador, que conseguiu seu 18.º nocaute da carreira com elas.

Enviado por admin, 29/11/12 6:30:00 PM
Reprodução/Revista ESPN
Rousey, que foi capa da revista ESPN americana neste ano, diz que faz muito sexo antes das lutas

A americana Ronda Rousey, primeira lutadora de MMA contratada pelo UFC, criou polêmica nesta quinta-feira (29) ao declarar que tenta fazer o máximo de sexo possível durante a preparação para uma luta. A declaração foi dada ao programa do canal Showtime, do âncora Jim Rome.

“Para garotas, o sexo aumenta seu testosterona, então tento fazer o máximo de sexo possível antes de lutar”, falou a atleta de 25 anos, medalhista de bronze no judô em Pequim-2008.

“Não é com todo mundo. Não ponho nos classificados nem nada, mas se tenho um parceiro fixo fico assim [pressionando]: hora da luta está chegando”, emendou.

Apesar de recomendar a atividade antes dos combates, Rousey negou praticar sexo no exato dia de subir ao ringue.

Enviado por admin, 18/11/12 10:35:00 AM
Divulgação/UFC
GSP teve dificuldades para vencer GSP

O canadense Georges St. Pierre superou 18 meses longe dos octógonos por causa de uma lesão no joelho e venceu o americano Carlos Condit na madrugada desse domingo (18), em Montreal, no Canadá. Com a vitória por decisão unânime, ele unificou o cinturão interino dos meio-médios (até 77 kg) do UFC.

Considerada a luta da noite do UFC 154, GSP e Condit fizeram um combate aberto. O campeão, como era previsível, usou seu wrestling de alto nível e levou para o chão nos momentos em que achou necessário. Ao todo, foram sete derrubadas contra nenhuma do rival.

O ponto alto do duelo, no entanto, foi proporcionado pelo desafiante, no terceiro round. Condit acertou um chute alto na cabeça do canadense, que imediatamente foi para a lona. O americano ainda castigou o adversário no ground and pound, mas sofreu uma reversão e ainda terminou o assalto em posição desfavorável.

“Foi minha luta mais difícil”, declarou GSP, que tem apenas duas derrotas na carreira – agora são 23 vitórias. “Agora sei o que é o ring rust“, completou o lutador, que é idolatrado pela torcida local, sobre o tempo que ficou fora dos ringues.

Depois do evento, St. Pierre evitou falar em uma superluta contra Anderson Silva. Mas tudo indica que ela vai sair do papel. “O Anderson quer, eu quero… vou fazer acontecer”, declarou o presidente do UFC Dana White.

O brasileiro esteve em Montreal e assistiu à luta de pertinho. Ambos devem se enfrentar em um peso combinado, muito provavelmente em um estádio de futebol. Em sua divisão, o próximo adversário de GSP deve ser o americano Johnny Hendricks, que venceu o dinamarquês Martin Kampmann com um nocaute espetacular no Canadá.

Confira os melhores momentos da luta:

Confira os resultados do UFC 154:

Georges St-Pierre venceu Carlos Condit por decisão unânime
Johny Hendricks venceu Martin Kampmann por nocaute no primeiro round
Francis Carmont venceu Tom Lawlor por decisão dividida
Rafael dos Anjos venceu Mark Bocek por decisão unânime
Pablo Garza venceu Mark Hominick por decisão unânime
Patrick Cotê venceu Alessio Sakara por desclassificação
Cyrille Diabate venceu Chad Griggs por finalização no primeiro round
John Makdessi venceu Sam Stout por decisão unânime
Antonio ‘Pato’ Carvalho venceu Rodrigo Damm por decisão unânime dos juízes
Matthew Riddle venceu John Maguire por decisão unânime
Ivan Menjívar venceu Azamat Gashimov por finalização no primeiro round
Darren Elkins venceu Steven Siler por decisão unânime

Enviado por admin, 16/11/12 9:04:00 PM
Divulgação/UFC
GSP encara Condit no Canadá

Depois de 18 meses afastado dos octógonos, o canadense Georges St. Pierre tenta provar, neste sábado (17), porque é o verdadeiro dono do cinturão dos meio-médios (até 77 kg) do UFC. Em casa, em Montreal, no Canadá, GSP enfrenta o americano Carlos Condit, dono do título interino da categoria. O UFC 154 começa às 21h, com tranmissão exclusiva do canal Combate.

A grande questão sobre a luta da noite no Bell Centre é como está o joelho direito de St. Pierre, motivo pelo qual ele ficou longe dos ringues por um ano e meio, com uma ruptura de ligamento. Terá ele se recuperado plenamente? Será ele capaz de mostrar sua dominância no ringue novamente?

Durante seu tempo de recuperação, o canadense viu muita coisa acontecer em sua categoria. Quando Condit derrotou Nick Diaz em uma polêmica decisão unânime, em fevereito, o pupilo de Greg Jackson recebeu o título interino. Desde então ele não lutou mais e apenas se preparou para encarar o campeão.

O caminho para Condit vencer é manter a luta de pé, não parar de se mexer e pontuar mais do que o rival – ou quem sabe conseguir um improvável nocaute, coisa que só aconteceu uma vez, na surpeendente derrota de GSP para Matt Serra, cinco anos atrás.

Para St. Pierre o segredo para a vitória é fazer o que ele sabe: botar para baixo e aplicar o ground and pound. E contar com que o joelho passe no teste final. Caso contrário, uma nova zebra pode surgir. Será?

Outra coisa: se GSP vencer é quase certo o anúncio do duelo em peso combinado contra Anderson Silva, o que representaria o maior evento da história do UFC.

Confira o card do UFC 154

Card principal
Georges St-Pierre x Carlos Condit
Martin Kampmann x Johny Hendricks
Francis Carmont x Tom Lawlor
Nick Ring x Costa Philippou
Mark Hominick x Pablo Garza

Card preliminar
Patrick Côté x Alessio Sakara
Cyrille Diabate x Chad Griggs
Mark Bocek x Rafael dos Anjos
Sam Stout x John Makdessi
Antonio “Pato” Carvalho x Rodrigo Damm
Matt Riddle x John Maguire
Ivan Menjivar x Azamat Gashimov
Steven Siler x Darren Elkins

Enviado por admin, 09/11/12 6:25:00 PM
Divulgação/UFC
Lyoto Machida enfrenta Dan Henderson em fevereiro

O UFC 156, agendado para o fim de semana do Super Bowl - a final do campeonato de futebol americano – teve outro grande combate anunciado nesta sexta-feira (9). O duelo entre Lyoto Machida e o americano Dan Henderson se junta à superluta entre José Aldo e Frankie Edgar no evento de 2 de fevereiro, em Las Vegas.

Aos 42 anos, Henderson era o desafiante número 1 ao título dos meio-pesados. Porém, o veterano se machucou antes de enfrentar Jon Jones, o que acarretou no cancelamento do UFC 151, em setembro.

Já Lyoto, que derrotou Ryan Bader em agosto, havia conquistado o direito de ser o próximo desafiante ao campeão. Mas como o lutador rejeitou encarar Jones após a lesão de Henderson, perdeu pontos com o UFC e teria de fazer mais uma luta antes de ser tornar o desafiante novamente.

Maurício Shogun e o sueco Alexander Gustafsson, que se enfrentam em dezembro, são os outros dois concorrentes na divisão até 93 kg.

Enviado por admin, 08/11/12 2:55:00 PM

Muita coisa mudou desde que o UFC desembarcou em São Paulo pela primeira vez

Quinze anos depois, o UFC está de volta a São Paulo. De acordo com a revista Tatame, a abertura do calendário 2013 do maior campeonato de MMA do mundo será no Ginásio Ibirapuera, no dia 19 de janeiro, com Vitor Belfort e o inglês Michael Bisping protagonizando o principal combate da noite.

O Ultimate Brazil aconteceu em 16 de outubro de 1998, na época em que o esporte ainda era conhecido como vale-tudo. Na ocasião, um jovem Belfort nocauteou um Wanderlei Silva antes da fama em apenas 44 segundos, no minguado Ginásio da Portuguesa. O duelo mais importante da foi entre Frank Shamrock e John Lober. A estrutura era mínima, ao contrário da alta taxa de discriminação e de receio com o esporte.

O evento paulista foi apenas o 21.º da história do UFC, que chegou à marca de 218 no Rio de Janeiro, no último mês de outubro. Ainda não existia Dana White (atual presidente), Zuffa (a empresa que hoje controla o UFC), nem muito menos o ‘glamour’ e a popularidade que o MMA vem ganhando.

Era uma época de vacas magras. Bem diferente do que veremos em janeiro. Será a quarta edição do UFC no Brasil desde agosto de 2011. Sinal de que muitas outras virão.

Você foi à primeira edição do UFC no Brasil, em 1998? Conheça alguém que foi? Entre em contato com o blog pelos comentários!

Confira o card do UFC São Paulo:

Card principal
Vitor Belfort vs. Michael Bisping
C.B. Dollaway vs. Daniel Sarafian
Ben Rothwell vs. Gabriel Napão
Khabib Nurmagomedov vs. Thiago Tavares

Card preliminar
Godofredo Pepey vs. Miltinho Vieira
Andrew Craig vs. Ronny Markes
Nik Lentz vs. Diego Nunes
Justin Salas vs. Edson Barboza
Michael Kuiper vs. Thiago Bodão
George Roop vs. Iuri Marajó
Roger Hollett vs. Wagner Caldeirão
C.J. Keith vs. Francisco Massaranduba

Enviado por admin, 07/11/12 2:20:00 PM
Divulgação/ UFC
Anderson e GSP podem fazer superluta

A novela “Quem será o próximo adversário de Anderson Silva” pode terminar em breve. Mais especificamente no dia 17 de novembro. De acordo com empresário de Spider, Jorge Guimarães, o Joinha, há possibilidade de o campeão dos médios (até 84 kg) desafiar o canadense Georges St. Pierre após o UFC 154, em Toronto.

“Talvez Anderson desafie Georges St-Pierre se ele vencer Condit”, falou Joinha ao programa UFC Tonight.

Campeão dos meio-médios (até 77 kg), o canadense enfrenta o americano Carlos Condit no UFC 154. Como St. Pierre ficou quase dois anos fora de combate por causa de lesão no joelho, um cinturão interino foi colocado em disputa – e conquistou foi conquistado por Condit diante de Nick Diaz.

Agora a novidade é que, caso GSP mantenha o título, é possível que Anderson suba ao octógono para propor uma ‘superluta’ tão sonhada pelo UFC. Ela aconteceria em um peso combinado, muito provavelmente em um estádio de futebol americano para mais de 70 mil pessoas. Ou talvez até no Brasil, como afirmou Dana White, presidente do UFC, em coletiva de imprensa por telefone nesta quarta-feira (7).

“Obviamente há três grandes locais onde poderíamos fazer. Nós poderíamos ir para um grande estádio em Toronto, para o estádio do Dallas, no Texas, ou em um campo de futebol no Brasil. Essa luta vai atrair muita gente. É engraçado falar sobre essa superluta, mas eu estou certo de que estou irritando o Carlos Condit toda vez que vocês perguntam sobre ela”, declarou White.

UFC no Brasil

O Ultimate anunciou na semana passada que estará de volta ao país. A cidade, porém, ainda não está definida, mas o evento acontece em 19 de janeiro, abrindo a temporada de 2013 da organização. A luta entre Vitor Belfort e o inglês Michael Bisping é a principal atração da noite, que também terá a estreia do finalista do TUF Brasil Daniel Sarafian, que enfrenta CB Dollaway.

Card principal
Vitor Belfort vs. Michael Bisping
C.B. Dollaway vs. Daniel Sarafian
Ben Rothwell vs. Gabriel Napão
Khabib Nurmagomedov vs. Thiago Tavares

Card preliminar
Godofredo Pepey vs. Miltinho Vieira
Andrew Craig vs. Ronny Markes
Nik Lentz vs. Diego Nunes
Justin Salas vs. Edson Barboza
Michael Kuiper vs. Thiago Bodão
George Roop vs. Iuri Marajó
Roger Hollett vs. Wagner Caldeirão
C.J. Keith vs. Francisco Massaranduba

Páginas12345... 22»
Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Publicidade
Publicidade
Publicidade
«

Onde e quando quiser

Tenha a Gazeta do Povo a sua disposição com o Plano Completo de assinatura.

Nele, você recebe o jornal em casa, tem acesso a todo conteúdo do site no computador, no smartphone e faz o download das edições da Gazeta no tablet.

SAIBA MAIS

Passaporte para o digital

Só o assinante Gazeta do Povo Digital tem acesso exclusivo ao conteúdo do site, sem nenhum custo adicional ou limite.

Navegue com seu celular ou baixe todas as edições no tablet - um novo jeito de ler jornal onde você estiver.

CLIQUE E FAÇA PARTE DESSE NOVO MUNDO

»
publicidade
Gazeta do Povo