i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Ataque terrorista

Suspeito de ataques em Boston é identificado em vídeo; autoridades negam prisão

Imagem foi captada pelo circuito interno de uma loja de departamentos. Nesta quarta-feira, agentes do FBI mostraram parte dos objetos usados para a confecção das duas bombas

  • PorEfe e Reuters
  • 17/04/2013 12:18
Investigadores procuram pistas em topo de prédio em Boston | Adrees Latif/Reuters
Investigadores procuram pistas em topo de prédio em Boston| Foto: Adrees Latif/Reuters
  • Restos de uma das bombas detonadas durante a Maratona de Boston. A foto foi tirada pelos investigadores
  • Em Pequim, pessoas acenderam velas em memória da chinesa que morreu em Boston
  • Peritos e investigadores vasculham e fotografam o local onde as duas bombas explodiram na segunda-feira
  • Policiais do FBI chegam ao local dos ataques ocorridos durante a maratona de Boston
  • Bombas explodiram quando corredores amadores chegavam ao fim da maratona
  • Homem ferido nas explosões em Boston
  • Corredores e membros da organização da prova no momento da explosão em Boston
  • Imagem da NBC mostra o local logo após as explosões
  • Hotel que serve como sede da Maratona foi bloqueado após as explosões
  • Competidora chora após as explosões que atingiram Boston nesta segunda-feira
  • Cadeirante que participava da maratona é levado para ambulância
  • Policiais evacuam a área da chegada da Maratona de Boston, onde duas explosões foram registradas
  • Frente de um dos hotéis que foram interditados após as explosões em Boston
  • Oficiais evacuam a área onde duas explosões deixaram mortos e feridos em Boston, nesta segunda-feira
  • Pessoas que acompanhavam a maratona deixam o local após as explosões
  • Roupas e sangue na avenida onde foi disputada a Maratona de Boston nesta segunda-feira
  • Cenário de destruição após as explosões em Boston
  • Sangue e entulhos após as explosões em Boston
  • Mulher ferida é atendida em Boston
  • Imagem de TV mostra o momento da primeira explosão (à direita)
  • Agentes tentam controlar o trânsito depois das explosões em Boston
  • Mulher fala ao telefone após as explosões que atingiram Boston
  • Mulheres com cão após as explosões que atingiram a Maratona de Boston
  • O governador de Massachusetts, Deval Patrick (à esquerda), ouve agente do FBI na tarde desta segunda-feira
  • Oficiais da Swat chegam ao local da explosão em Boston
  • Pessoas se abraçam após as explosões em Boston
  • Policiais no teto de prédio após as explosões durante a Maratona de Boston
  • Pessoas se abraçam após as explosões que deixaram três pessoas mortas em Boston na tarde desta segunda-feira
  • Pânico e horror: foto tirada logo após as explosões mostra pessoas feridas e desesperadas
  • Mulher colocar flores no local das explosões em Boston
  • A bandeira dos Estados Unidos foi hasteada a meio-pau na Casa Branca nesta terça-feira
Veja também

Fontes da polícia de Boston informaram nesta quarta-feira (17) que conseguiram identificar em um vídeo um suspeito de envolvimento no atentado após a maratona na cidade, na tarde de segunda-feira (15). A rede de TV CNN chegou a divulgar que o suspeito havia sido preso, mas a informação foi desmentida pelo Departamento de Justiça e pela polícia de Boston.

Veja vídeo do momento das explosões e galeria de fotos

Fotos mostram componentes das bombas detonadas em Boston

Leia relatos de brasileiros em Boston

Grupo de Londrina testemunhou a tragédia em Boston

Confira o mapa do local onde ocorreu o atentado

Veja quem foram as vítimas da explosão

Segundo fontes policiais ouvidas pela imprensa americana, a imagem do suspeito foi encontrada nos arquivos do circuito interno de televisão de uma loja de departamentos. As fontes ouvidas pelos dois meios afirmam que será convocada uma entrevista coletiva da equipe ainda nesta quarta-feira.

Panelas de pressão

Agentes do FBI mostraram nesta quarta imagens de parte dos objetos usados para formar as duas bombas. O artefato caseiro foi feito com panelas de pressão e explosivos, além de peças de metal, como pregos, zíperes, pilhas e rolamentos de skate.

As autoridades calculam que os artefatos foram detonados mediante um temporizador, e não com celulares, o que teria revelado um nível maior de sofisticação e organização. Ainda não há informações se o ataque foi realizado por terroristas americanos ou estrangeiros.

De acordo com o FBI (polícia federal americana), que assumiu a investigação, não há risco de novos ataques, embora a segurança na cidade esteja reforçada. Os quarteirões mais próximos do local das explosões permanecem interditados e deverão ser palco de testes periciais por mais alguns dias.

Susto

Uma carta endereçada ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, com uma substância suspeita foi recebida no setor de triagem de correio da Casa Branca na terça-feira, disse o Serviço Secreto dos EUA.

Nesta quarta-feira, autoridades de segurança determinaram que funcionários, procuradores e a mídia deixassem o tribunal federal de Boston, de acordo com um repórter da Reuters no local.

Dezenas de pessoas podiam ser vistas deixando o prédio. Não havia mais detalhes.

VítimasUm dos três mortos nos atentados em Boston é um menino de 8 anos identificado como Martin Richard (foto abaixo), que estava aguardando a chegada do pai na maratona. Sua mãe, que também estava no local, sofreu traumatismo craniano, enquanto sua irmã, de 6 anos, perdeu uma perna. Nesta terça-feira, uma usuária do Facebook postou uma foto antiga de Martin em que o garoto que pede paz em um cartaz.

Outra vítima é Krystle Campbell (foto abaixo), de 29 anos. Ela vivia em Medford, Massachussets. "Minha filha era a mais amorosa das meninas. Ajudava a todos e estou muito chocado com tudo. Estamos devastados", disse o pai de Krystle. Ela estava na linha de chegada com um amigo esperando o namorado, que participava da corrida. Seu pai afirmou não saber se o jovem completou a maratona antes das explosões. A terceira pessoa morta foi um cidadão chinês que estudava da Boston University. A família não autorizou a divulgação do nome e a informação foi repassada pelo porta-voz da instituição.

A terceira vítima do atentado foi a chinesa Lu Lingzi (foto abaixo), segundo o jornal estatal chinês Shenyang Evening News. Segundo a publicação, ela era uma estudante da Universidade de Boston. A morte causou comoção e provocou manifestações antiamericanas na China.

O consulado chinês em Nova York disse em um comunicado na terça-feira que outro cidadão da China foi ferido e estava em condição estável após uma cirurgia.

O ministério das Relações Exteriores e o consulado Geral da China não anunciaram o nome da vítima a pedido da família. Mas na terça-feira, a mídia de Boston citou uma fonte chinesa do consulado Geral, dizendo que Lu Lingzi estava entre os desaparecidos após as explosões de segunda-feira.

Muitas vítimas sofreram lesões na parte inferior das suas pernas, segundo Peter Fagenholz, traumatologista do Hospital Geral de Massachusetts. Médicos que atenderam as vítimas da dupla explosão disseram que várias pessoas tiveram ferimentos provocados por elementos contundentes. O cirurgião do Hospital Geral de Massachusetts, George Velmahos, disse que teve que retirar mais de 30 agulhas e pregos de alguns pacientes. Ele afirmou que a maioria dos feridos foi atingido nas pernas. O chefe da emergência do hospital Brigham, Ron Walls, disse que, além dos pregos, foram retirados agulhas e rolamentos de skates.

Foi o pior ataque a bomba nos EUA desde que a segurança foi elevada após os atentados de 11 de setembro de 2001. Nesta quarta-feira (17) será organizada uma cerimônia em memória às vítimas.

Taleban

"Em qualquer lugar que encontremos americanos iremos matá-los, mas não temos nenhuma relação com as explosões em Boston". Com essa declaração, feita pelo porta-voz do Taleban no Paquistão, Ihsanullah Ihsan, o grupo negou qualquer envolvimento com o atentado na Maratona de Boston.

Vídeo do jornal Boston Globe mostra o momento das explosões:

Explosões levam pânico a Boston

Assista ao pronunciamento do presidente Barack Obama logo após as explosões:

Veja a entrevista coletiva de Obama nesta terça-feira (16):

Internautas publicaram fotos e o presidente Barack Obama também se manifestou. Veja a repercussão no Twitter:

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.