Blogs

Fechar
PUBLICIDADE

Panela do Anacreon

Enviado por Anacreon de Téos, 23/05/16 11:41:26 AM

O Jarrete de vitelo com molho do assado e musseline de batata-baroa está no cardápio do Anis Presto até este meio de semana a R$ 39,90. (Foto/ Anacreon de Téos)

O menu é exposto em quadro negro. (Foto/ Divulgação)

A grande queixa de tempos atrás: cadê a comida de Flávio Frenkel?

Não eram poucos os saudosos dos tempos do restaurante Blini, lá no alto da Carlos de Carvalho. Ou do pequeno bistrô, o Capoani Café, onde o cardápio só era feito a partir do instante em que chegavam os produtos fresquíssimos.

A única chance de provar – a não ser que fosse amigo muito íntimo, de frequentar sua casa – era ser convidado para um evento ao qual a Anis Gastronomia prestasse serviços. Ou, em último caso, contratasse um evento com ele.

Isso tudo até outubro do ano passado, quando foi inaugurada a Mercadoteca e Frenkel ali se estabeleceu, abrindo a Anis Presto e oferecendo seus imbatíveis patês e embutidos, além de opções de molhos, massas e pratos prontos, para todos os gostos.

Pois agora ainda tem mais. A cada semana mudam os pratos que podem fazer um cardápio completo, de petisco à sobremesa, passando por salada, entrada e prato principal. Saladas, carnes, aves e peixes, massa lisas e recheadas, molhos, cereais e compotas podem ser combinados de acordo com o paladar de cada um.

Além de todo sabor advindo das mãos do chef, outro ponto importante chama a atenção: o preço. Frenkel monta um menu oferecendo pratos principais entre R$ 19,90 a R$ 39,90 e apresenta-os em um quadro negro. Para que se tenha ideia de como é, nesta semana, por exemplo, o Ossobuco (jarrete) de vitelo com molho do assado e musseline de batata baroa custa R$ 39,90. Pedi e aprovei. É delicioso, a carne se desmancha e a musseline não tem lactose, pois é feita com caldo de galinha em vez de leite. O prato de R$ 29,90 da semana é uma Galinha caipira com malfati. A sobrecoxa servida é enorme, de galinha caipira muito bem nutrida e a massa é feita ali mesmo. Pelo mesmo valor, quem quiser escolher um Ravióli de costela assada com molho pomodoro vai se dar muito bem. E há ainda o prato mais em conta, Espagueti com ragu de coelho, a R$ 19,90. Esse ragu é muito saboroso e, a exemplo dos outros molhos, pode ser levado para ser consumido em casa, com a massa favorita.

Ah, sim, o Bufê de saladas pode ser montado pelo cliente e custa R$ 6,90 cada 100g.

Flávio Frenkel tem muito cuidado com os produtos que utiliza, para poder extrair deles sempre o melhor sabor. Todos os produtos, desde a ricota ao presunto defumado, molhos, massa e carnes são frescos, sem ter passado por processo de congelamento, para garantir que chegue à mesa do cliente com o sabor original de cada receita.

E agora que esfriou de vez também entram em cartaz as sopas, que são servidas todas as noites ou entregues para serem consumidas em casa. São cinco opções, por R$ 19,90 cada: Batata-salsa com queijo e ciboulette, Feijão com bacon e salsinha, Abóbora com carne seca, Ervilha com costelinha e Feijão branco com frango defumado. E deve estar entrando em cartaz também uma Sopa de cebola, ao melhor estilo francês.

A Anis Presto funciona de acordo com o horário da Mercadoteca: de segunda a sábado, das 9h às 21h, e aos domingos e feriados, das 10h30 às 18h. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.anisgastronomia.com.br.

O balcão da Anis Presto na Mercadoteca. Uma apetitosa oferta de sabores. (Foto/ Divulgação)

Anis Presto

Mercadoteca

Rua Paulo Gorski, 1309 – Mossunguê

Fone: (41) 3359-7808

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 20/05/16 3:34:16 PM

O Drink Brasileiro leva caldo de cana, gengibre, hortelã, limão e cachaça e é servido em dobro no Dia Mundial da Cachaça. (Foto/ Divulgação)

Tem dia para tudo nesse mundo de Deus. Agora é a vez do Dia Mundial da Cachaça. Será celebrado neste sábado (21), com direito a alguns bons tragos por aí. Não consegui descobri exatamente as razões da escolha do dia, algum fato ou evento marcante. Só sei que o decreto foi do ex-presidente Itamar Franco. Dia Mundial, ele teria determinado. Porque a data nacional também existe, já que o Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC) oficializou, tempos atrás, o dia 13 de setembro como o Dia Nacional da Cachaça

Bem, seja qual for a origem, sejam quais forem as razões, o que vale é comemorar o dia da tal. Como propõe, por exemplo, Horácio Coutinho Junior, chef e proprietário do Senhor Garibaldi.

Ele criou o “Drink Brasileirinho”, feito com caldo de cana, matéria-prima da cachaça, e é uma das bebidas mais famosas da casa. O drinque leva caldo de cana, gengibre, hortelã, limão e cachaça e pode ser consumido em todas as lojas do Senhor Garibaldi pelo valor de R$ 14,90 por bebida.

Para o Dia Mundial da Cachaça, a comemoração ali é com a dose dobrada do “Drink Brasileirinho”. Paga um e leva dois – como se diz por aí.

Só resta aproveitar.

Senhor Garibaldi Curitiba: Alto da XV (R. Itupava, 1377), Água Verde (R. Brigadeiro Franco, 3746), Shopping Estação (Piso L1 – Praça de Alimentação) – em breve no Prado Velho

Senhor Garibaldi Santa Catarina: Nações Shopping (R. Jorge Elias de Luca, 765, Criciúma/SC)

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 19/05/16 9:57:51 AM

Polenta cremosa com ossobuco de carneiro, uma das atrações do cardápio especial da Ópera de Bambu. (Foto/ Divulgação)

Pra quem pensa que a Ópera de Bambu só tem caranguejo e só funciona de novembro a março, durante a temporada dos crustáceos, aí vai a boa notícia. Durante o restante do ano, a cozinha continua a pleno vapor, sempre com novidades. E acaba de lançar novo cardápio.

Tanto que nesta quinta-feira – e em todas as próximas – tem Polenta cremosa em duas versões. Ou com codorna ou com ossobuco de carneiro.  A de codorna custa R$ 43 por pessoa ou R$ 80 para duas pessoas. A de carneiro, R$ 48 para uma ou R$ 90 para duas.

Ambas as versões são acompanhadas de salada, polenta frita, polenta brustolada com queijo, mostarda refogada com linguiça e muffin de pão, ovo e bacon.

A casa funciona das 19h30 às 23h e as reservas podem ser feitas pelos telefones 3018-8468 e 9104-9872.

Ópera de Bambu

Rua Nestor Victor, 434 – Água Verde

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 18/05/16 3:04:20 PM

A Bisteca alla Fiorentina do Vin Bistro (com acompanhamentos) inspira o novo festival do restaurante por algumas semanas. (Foto/ Cassiano Correia)

O naco de carne como vai pra grelha: entre 1kg e 1,2 kg. (Foto/ Cassiano Correia)

É um naco de carne de respeito. Atrai pelo visual e pelo aroma. E certamente cairá no gosto dos curitibanos, declarados aficionados de uma bom grelhado.

O Vin Bistro acaba de lançar mais um de seus festivais gastronômicos. Agora é a vez do “1º Festival de Bisteca alla Fiorentina”, que começou por esses dias e vai se estender pelo menos por um mês, tamanha a repercussão do lançamento entre os clientes da casa.

Tive a oportunidade de experimentar e fiquei muito bem impressionado. São peças gigantes, com peso entre 1kg e 1,2kg, três dedos de altura, que servem bem duas pessoas, embora a primeira impressão seja a de que vai sobrar – impressão desmentida ao término da refeição, de tão macia e saborosa que é a carne.

A rigor, no fundo do fundo, não é o corte oficial da bisteca fiorentina como os italianos costumam consumir. A diferença é bem sutil em relação ao T-Bone, com a inclusão de um pequeno pedaço da alcatra ao mignon e ao contrafilé que margeiam o osso em forma de T. Apenas para registro de forma, porque em nada afeta o paladar.

É que a carne é de primeira. Primeiríssima. Da raça Black Angus, certificada, vinda diretamente do Mato Grosso do Sul, fornecida pela JBS, conceituadíssima pela qualidade de seus produtos. A Black Angus é uma raça de bovinos destinada à produção de carne premium, de qualidade superior, com origem no nordeste da Escócia e que chegou com força e qualidade ao mercado brasileiro.

O Vin Bistro segue todos os preceitos básicos recomendados para servir uma perfeita Bisteca alla fiorentina. Como diz o chef famoso na TV, ali menos é mais. O que importa é o sabor da carne, discretamente temperada apenas com sal e pimenta-do-reino e tostada por alguns minutos de cada lado – o suficiente para manter o tom avermelhado em seu interior.

A carne chega à mesa servida em uma tábua, dando um toque mais descontraído à sobriedade natural do restaurante. Afinal de contas, trata-se de um prato festivo. Para acompanhar o astral, os acompanhamentos vêm em travessas. São quatro: Batatas gratinadas com creme, Farofa de ovos, Legumes salteados e Massa ao molho de tomates frescos.

Tudo isso sai por R$ 149 e, como disse acima, serve muito bem duas pessoas. Se bobear, dá até para três.

Para acompanhar, o proprietário da casa, renomado sommelier Ronaldo  Bohnenstengel, pode sugerir o vinho dentre os tantos que o Vin Bistro (também uma loja de vinhos) possui em suas prateleiras. Um italiano, de preferência.

O restaurante abre para almoço de segunda a sexta, das 12h às 14h30 (sábado até as 16h) e jantar de segunda a quinta até a meia noite (sextas e sábados até a 1h)

A Bisteca alla Fiorentina servida na tábua, para dar um enfoque mais informal à refeição. (Foto/ Cassiano Correia)

Vin Bistro

Rua Fernando Simas, 260 – Bigorrilho

Fone: (41) 3225-3444

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 17/05/16 2:54:32 PM
AU-AU

Capeletti, Caldo de feijão e Creme de mandioca com carne seca – opções que sopa que chegam ao cardápio do Au-Au. (Foto/ Divulgação)

É só bater um ventinho frio que começam a chegar as sopas. As primeiras já estão sendo anunciadas, pois o inverno já resolveu dar uma aparecida nesse outono e está circulando por aí. O Au-Au, por exemplo, não perdeu tempo e já incluiu no cardápio regular a sopa de Capeletti in brodo. Ela já pode ser pedida em todas as lojas da rede em Curitiba, juntamente com outros três sabores de sopas consagrados no cardápio de inverno – Creme de mandioca com carne seca, Canja de galinha e Caldinho de feijão com bacon.

Capeletti in brodo é uma receita tradicional italiana, antigamente degustada apenas no Natal, por preparação trabalhosa. O “in brodo”, que significa “caldo”, popularizou a receita nos dias atuais, e faz dela ideal para ser degustada em dias mais frios. Servida quentinha, é mais uma novidade entre as opções do Au-Au para o inverno curitibano.

Já o Creme de mandioca com carne seca é preparado com a mandioca cozida, enquanto a carne vem desfiada. A Canja de galinha traz arroz, cenoura, frango desfiado e frango em cubos. Completando o menu, há o Caldinho de feijão com bacon, receita clássica.

Vale a pena conferir nos endereços do Au-Au em Curitiba. É só conferir no site.

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 16/05/16 10:53:03 AM

A bela fachada do Ernesto Ristorante, uma das referências da gastronomia curitibana, que completa cinco anos de funcionamento. (Foto/ Divulgação)

O chef Dudu Sperandio, especializado na cozinha italiana. (Foto/ Divulgação)

Lembro-me da primeira impressão que tive ao conhecer o Ernesto Ristorante: pequeno, intimista, acolhedor e de boa comida. Foi em 2011 (escrevi aqui), algum tempo após a inauguração oficial da casa.

De lá para cá o jovem chef Dudu Sperandio só evoluiu. Se já tinha boa mão em tudo que apresentava aos seus clientes (por onde andam aqueles tutanos gratinados?), aos poucos ampliou sua área de ação e transformou a casa em uma das principais referências gastronômicas da cidade, com o inconfundível sotaque italiano que marca a linha adotada pelo cozinheiro.

Pois é, lá se vão cinco anos. A inauguração oficial foi em maio e, para comemorar aniversário, haverá um jantar especial na próxima quinta-feira (19), com um cardápio exclusivo para a ocasião.

O menu completo, que dará direito a seis etapas e quatro vinhos, custará R$ 125 por pessoa e tem de pronto o couvert de entrada, um pão artesanal – feito no próprio restaurante – servido com berinjela marinada e manteiga. Como antipasto, Steak tartare, com pepino, salsão, mostarda dijon, alcaparras, amêndoas, grana padano, azeite de oliva extra virgem, aceto balsâmico e mais Foie gras gratinado (harmonizado com o vinho Santa Inês Gran Reserva Pinot Noir 2013 – Chile). Na sequência, a entrada será Creme de batata salsa com pinhão e pancetta.

O primeiro prato será o Ravióli de abóbora ao molho de queijo de cabra com nozes caramelizadas e ervas frescas (harmonizado com o vinho Valle Secreto Carmenère 2012 First Edition – Chile). O prato principal ficará por conta do Mignon grelhado com molho de trufas negras e risoto cremoso de funghi porcini com trufas brancas (harmonizado com o vinho Valle Secreto Syrah – Chile).

Para completar, será servido como sobremesa o Brownie de chocolate trufado com sorvete de creme e mel de trufasque foi, para mim, a grande estrela do cardápio trufado que o chef apresentou até dias atrás – (harmonizado com o vinho Porto Messias Tawny).

O jantar de aniversário terá início às 19h30. As reservas podem ser feitas pelo telefone (41) 4141-5477.

Ravióli de abóbora ao molho de queijo de cabra com nozes caramelizadas e ervas frescas – o primeiro prato. (Foto/ Divulgação)

Ernesto Ristorante

Rua Myltho Anselmo da Silva, 1483 – Mercês

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 14/05/16 12:19:42 PM

O JPL Food Truck serve dois sanduíches clássicos da casa no Food Park Ecoville neste domingo. (Foto/ Divulgação)

Uma dica interessante para o fim de semana. O JPL Food Truck, versão sobre rodas da premiada hamburgueria JPL, estaciona neste domingo (15) – no Food Park Ecoville, mais novo espaço da cidade destinado aos caminhões gastronômicos. O evento acontece no sábado e no domingo, das 11h às 23h, na Rua Julia da Costa, 3430, no Mossunguê – mas a participação do JPL é só no domingo.

O JPL vai servir dois clássicos sanduíches: New Yorker Ramone e Rocket. O primeiro traz hambúrguer grelhado de carne bovina, muçarela, cebola crispy e maionese lemon pepper. Já o segundo leva hambúrguer grelhado de carne bovina, muçarela e molho barbecue.

Além dessa versão em food truck, a hamburgueria conta com três endereços na cidade: Rua Vicente Machado, 833; Mercadoteca (Rua Paulo Gorski, 1309 – Mossunguê) e Distrito 1340 (Rua Maj. Heitor Guimarães, 1130 – Seminário).

Food Park Ecoville

Rua Julia da Costa, 3430 – Mossunguê

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 10/05/16 2:06:40 AM

Alguns dos vinhos importados pela Decanter que estarão sendo degustados no 4º Decanter Wine Day Curitiba. (Foto/ DivulgAÇÂO)

Para os amantes do vinho, imperdível. Para aqueles ainda no meio do caminho, iniciantes na área, uma boa oportunidade de agregar sabor e conhecimento. Acontece nesta quinta-feira (12) o 4º Decanter Wine Day Curitiba, um acontecimento marcante na área de vinhos e top de uma das principais importadoras do país.

O evento vai das 17h às 22h e, na ocasião, serão degustados mais de 100 rótulos dos melhores vinhos, entre eles Barolo Pio Cesare, Antinori Coronato, Chateauneuf du Pape La Gardine, El Principal, Finca Los Nobles Luigi Bosca e Ferrari. Serão vinhos de 12 países e de 38 produtores dentre os mais conceituados vinicultores.

Além da degustação, que acontece na Porcini Trattoria (Rua Buenos Aires, 277 – Batel), será uma ótima oportunidade de compra dos vinhos com desconto de 20%. Os ingressos são limitados e estão sendo vendidos a R$ 145 (masculino) e R$ 125 (feminino).

Informações e reservas com a Enoteca Decanter Curitiba, fone (41) 3039-2333.

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 03/05/16 12:10:01 AM

Bacalhau à Lagareiro, um dos clássicos da gastronomia portuguesa no festival do Armazém Santo Antônio. (Foto/ Divulgação)

Bacalhau à Gomes de Sá, sempre entre os mais pedidos. (Foto/ Divulgação)

Na correria da semana passada deixei passar em branco. Imperdoável, diga-se, pois não é todo dia que se tem bacalhau de variadas opções a preços bem interessantes.

Trata-se do Festival do Bacalhau do Armazém Santo Antônio, apresentando como estrela principal o prato que é uma das especialidades do sempre inspirado chef Giuliano Hahn, que está à frente da cozinha da casa desde sua renovação, há pouco mais de um ano.

Mas ainda há tempo de lembrar. Até a próxima sexta-feira (06), a casa apresenta seis pratos com bacalhau a um preço promocional único de R$ 63. Vamos a eles: Gomes de Sá (com batata, pimentão, ovos e cebola), Natas (lascas de bacalhau, com cebola confitada e molho de nata), Abadessas (molho de nata e gemas de ovo com maçã verde), à Portuguesa (lombo assado ao forno, com cebola, batata, tomate e azeitona), Zé do Pipo (purê de batata e cebola) e Lagareiro (com legumes confitados).

Tudo muito tradicional, dentro das alternativas que os portugueses escolhem para apresentar o pescado do qual são especialistas.

E, no caso específico do Armazém Santo Antônio, pesa a favor ainda o ambiente acolhedor, localizado num casarão tombado pelo Patrimônio Histórico, que comemorou em fevereiro nada menos do que 145 anos.

Dessa não dá para escapar.

Bacalhau à Zé do Pipo, que vem com purê de batatas e está entre as estrelas do Festival do Bacalhau do Armazém Santo Antônio. (Foto/ Divulgação)

Armazém Santo Antônio

Rua Solimões, 344 – São Francisco

Fone: (41) 3077-5505

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Enviado por Anacreon de Téos, 24/04/16 11:30:49 AM

Spaghetti alle vongole sem concha, o sabor da criatividade na cozinha. (Foto/ Anacreon de Téos)

O desejo era de um Spaghetti alle vongole, que está entre nossos pratos favoritos em casa (já publiquei até uma imbatível receita da Sophia Loren). Aí verifico o mercado e não encontro. Em uma peixaria até que havia, congelado, ainda com casca. Mas aí fiquei pensando em como ele se abriria durante o cozimento. Pois a concha abre exatamente pelo fato de o bichinho estar vivo lá dentro, soltando aquele tantinho de água do mar ali retida.

Fui ao Mercado Municipal consultar meu, digamos, “assessor para assuntos marítimos”, o Paulinho Mozer, da Pescados Keli Mozer. Não é época de vôngole (ou bacucu ou berbigão)? Não – foi o que ele me respondeu, explicando, que, inclusive, quem for apanhado comercializado as conchinhas corre sério risco de ser multado e processado. Agora é o período de reprodução e por isso o que tem a venda são os moluscos fora da casca, descongelados.

Fiquei pensando no assunto, mas decidi: vai assim mesmo. Porque me lembrei de uma passagem da nossa Confraria do Armazém, lá em seus primórdios, quando a brigada de plantão se preparou para fazer o prato original e quem trouxe a encomenda de Santa Catarina apresentou os berbigões exatamente como agora, sem a concha. Aí um confrade, José Aristides Loureiro (saudades desse cara em nosso grupo), deu um jeito e apresentou um prato que, se não se aproximava dos sabores originais, pelo menos ficou muito gostoso. Contei essa história aqui, há dez anos, no extinto O Estado do Paraná – embora o site do Paraná Online não abra mais direito, excluindo as fotos. Mas o texto está lá, para quem se interessar.

O prato é simples e realmente muito gostoso. Como os berbigões já vêm cozidos, é só dar uma passadinha na manteiga, enquanto prepara um molho praticamente tradicional de tomates – o que seria feito para servir com uma massa no dia a dia. Depois mistura tudo e o resultado final é compensador.

Emiliana Adobe Reserva Sauvignon Blanc. Vinho orgânico e de ótimo custo/benefício.

Foi nosso jantar de sábado, acompanhado de um Sauvignon Blanc que foi um belo achado, o orgânico chileno Emiliana Adobe Reserva Sauvignon Blanc - da Vinícola Emiliana, do Valle Casablanca – de perfume bem fresco, chamando pelas frutas cítricas e com alguns toques herbáceos. E tudo se repete também no sabor. Está com ótimo custo/benefício na Casa da França. Combinação perfeita.

Quer a receita? Então lá vai.

Bom proveito, bom apetite!

Spaghetti alle vongole sem concha

Com base em receita original de José Aristides Loureiro, da Confraria do Armazém

Ingredientes

½ kg de vôngole

500 g de spaghetti

2 cebolas, picadas

5 dentes de alho, amassados e picados

2 ramos de salsão, raspados e picados

1 ramo de manjericão (retirando as folhas, mas pondo o galho pra retirar depois)

8 tomates, sem pele nem sementes, em pedaços

12 tomates-cereja

queijo parmesão

salsinha picada

 

Preparo

 

Passe o vôngole na manteiga e reserve.

Faça o molho de tomate (refogue a cebola, o alho, o salsão e o manjericão no azeite de oliva e acrescente o tomate, deixando cozinhar por 20 minutos) e acrescente o vôngole.

Cozinhe por mais 15 minutos. Junte os tomates-cereja e dê uma rápida refogada.

Cozinhe o spaghetti al dente, de acordo com o tempo sugerido na embalagem, e acrescente ao vôngole. Sirva em seguida, polvilhando com salsinha e queijo parmesão.

Rendimento: 4 porções.

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:
Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/
Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos
E-mail: a-teos@uol.com.br

Páginas12345... 99»
Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Buscar no blog
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais